CINEMA E EDUCAÇÃO AMBIENTAL: RELATO DE EXPERIÊNCIA DO PROJETO ‘CINE AMBIENTAL, FILMES COMO INSTRUMENTO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL’

  • Rafael Pereira de Sousa
  • THAYRES DE SOUSA ANDRADE
  • Raimunda Moreira da Franca

Resumo

Proporcionando maior reflexão sobre os impactos das ações antrópicas no planeta e consequentemente na sociedade, a educação ambiental surge como uma alternativa para a promoção da conscientização da população diante da crise ambiental que se alastra no século XXI. Paralelo a isso, com o avanço das tecnologias e a democratização das obras cinematográficas através dos novos serviços de streaming, a influência do cinema na sociedade contemporânea tornou-se indiscutível. Diante disso, muitos filmes apresentam objetivos para além do entretenimento, desde alertar as pessoas para um ideal de vida até denunciar os impactos do atual modo de produção no planeta. Não diferente, é possível encontrar muitas obras que utilizam a linguagem cinematográfica como instrumento pedagógico com foco na educação ambiental. O presente trabalho consiste em um relato de experiência sobre o Projeto de Iniciação Acadêmica ‘CineAmbiental: filmes como instrumento de Educação Ambiental’ em andamento desde agosto de 2021 no campus da UFC em Crateús. O presente projeto, a partir da exibição de filmes, realiza a promoção de debates sobre questões ambientais, com o objetivo de promover maior reflexão sobre as pautas ambientais discutidas e a educação ambiental na comunidade acadêmica e externa. A metodologia consiste na exibição de um filme seguido das considerações dos palestrantes convidados e do debate dos demais participantes das sessões. Após isso, os participantes respondem uma pesquisa para contabilizar a frequência e avaliar o projeto. Em virtude da pandemia, o projeto foi adaptado e para isso foram utilizadas ferramentas tecnológicas como o Google Meet e o Youtube. Inicialmente foi feita uma revisão de literatura para seleção de obras e, diante do caráter remoto, optou-se por selecionar filmes curta-metragem para tornar as sessões menos cansativas. A base de dados da pesquisa foi o Google Acadêmico, e as palavras-chave foram cinema e educação ambiental. Para a divulgação das sessões do projeto, como também para o desenvolvimento de outras ações como a indicação de filmes relacionados à temática ambiental, foi realizada a criação de uma página no Instagram. A primeira sessão de debate promovida pelo projeto ocorreu em agosto, com a exibição do curta-metragem ‘Ilha das Flores’ e a presença dos palestrantes convidados, através da plataforma digital de videoconferência Google Meet, e contou com a participação de cerca de 24 pessoas, dentre acadêmicos da UFC e público externo, como representantes da sociedade civil e pesquisadores. Entretanto, dado o início tardio das bolsas PIA, o projeto conseguiu realizar apenas uma sessão no primeiro semestre, mas pretende intensificar as ações no semestre 2021.2. Espera-se, portanto, que o projeto consiga ampliar o seu alcance tanto da comunidade acadêmica quanto externa; que os debates promovidos contribuam para despertar uma interpretação crítica dos problemas ambientais na comunidade e promover a relação entre cultura e educação.
Publicado
2021-01-01
Seção
Encontro de Iniciação Acadêmica