AS EXPERIÊNCIAS DO ESTÁGIO CLÍNICO NA PERSPECTIVA DE ACADÊMICOS DE PSICOLOGIA

  • Claudia Daiana Borges UFSC , Uniasselvi-Fameg e Unisociesc.
  • Rosina Forteski Glidden UFPR e Uniasselvi-Fameg
  • Bruna Bisewski Uniasselvi-Fameg
  • Caio Fernando Zimmermann Corrêa Uniasselvi-Fameg
  • Crisley Fabiane Zastrow Uniasselvi-Fameg
Palavras-chave: Formação, psicologia, estágio clínico, supervisão.

Resumo

O estágio clínico constitui um importante elemento da formação acadêmica do aluno de Psicologia para o futuro exercício da profissão. Conhecer a experiência do estudante neste processo e sua relação com a supervisão é relevante para compreender sua formação. O objetivo deste estudo foi compreender as experiências de acadêmicos de Psicologia sobre o estágio clínico em dois Serviços-Escola de Psicologia do Sul do país. Participaram desta pesquisa 14 estagiários, sendo sete de uma Instituição de Ensino Superior pública e sete de uma privada. O instrumento utilizado foi um questionário semiestruturado de autoaplicação individual. Para a análise de dados foi utilizada a análise de conteúdo. Os resultados mostraram que a experiência do estágio clínico representava um desafio e era marcada pelo sentimento de insegurança, especialmente nos primeiros atendimentos. O relato dos participantes revelou ainda dificuldades para estabelecer vínculo com o usuário, conduzir a sessão e intervir.  Neste cenário, a supervisão foi destacada como fator fundamental na preparação e no suporte aos estagiários para o atendimento clínico. Os dados levantados são importantes para pensar a formação em Psicologia, especialmente no que se refere à preparação do aluno para uma futura atuação profissional no contexto da clínica.

Biografia do Autor

Claudia Daiana Borges, UFSC , Uniasselvi-Fameg e Unisociesc.
Docente do Departamento de Psicologia (Uniasselvi-Fameg e Unisociesc) e Doutoranda em Psicologia (UFSC)
Rosina Forteski Glidden, UFPR e Uniasselvi-Fameg
Docente do Departamento de Psicologia (Uniasselvi-Fameg) e Doutoranda em Educação (UFPR)
Bruna Bisewski, Uniasselvi-Fameg
Acadêmica do curso de Psicologia (Uniasselvi-Fameg)
Caio Fernando Zimmermann Corrêa, Uniasselvi-Fameg
Acadêmico do curso de Psicologia (Uniasselvi-Fameg)
Crisley Fabiane Zastrow, Uniasselvi-Fameg
Psicóloga (Uniasselvi-Fameg)

Referências

AGUIRRE, A. M. de. B. A primeira experiência clínica dos alunos: ansiedades e fantasia presentes no atendimento e supervisão. Psicologia: Teoria e Prática, v. 2, n. 1, p. 3-31, 2000.

ARAÚJO, L. N. P.; BOAZ, C. Sentimentos sobre as primeiras práticas do estagiário na clínica. Revista Psicologia em Foco, v. 5, n. 6, p. 40-47, 2013.

BARBOSA, F. D.; LAURENTI, M. A.; SILVA, M. M. Significados do estágio em psicologia clínica: percepções do aluno. Encontro: Revista de Psicologia, v. 16, n. 25, p.31-53, 2013.

BARLETTA, J. B.; FONSÊCA, A. L. B. Avaliação do processo supervisionado como norteador do ensino de psicoterapia: reflexões sobre a vivência prática. Revista de Psicologia da IMED, v.4, n.1, p. 671-680, 2012.

BARLETTA, J. B.; FONSÊCA, A. L. B.; DELABRIDA, Z. N. C. A importância da supervisão de estágio clínico para o desenvolvimento de competências em terapia cognitivo-comportamental. Psicologia: Teoria e Prática, v. 14, n. 3, p. 153-167, 2012.

BARRETO, M. C.; BARLETTA, J. B. A supervisão de estágio em psicologia clínica sob as óticas do supervisor e do supervisionando. Cadernos de Graduação, Ciências Biológicas e da Saúde, v. 12, n. 12, 2010.

BENETTI, S. P. C.; CUNHA, T. R. S. Abandono de tratamento psicoterápico: implicações para a prática clínica. Arquivos Brasileiros de Psicologia, v. 60, n. 2, 2008.

BOLSONI-SILVA, A. T.; PRETTE, A. D. Problemas de comportamento: um panorama da área. Revista Brasileira de Terapia Comportamental e Cognitiva, v. 5, n. 2, p. 91-103, 2003.

CELLA, M.; SEHNEM, S. B. Percepção que os acadêmicos do curso de Psicologia da UNOESC possuem em relação ao estágio. Pesquisa em Psicologia, p. 157-170, 2017.

CONSELHO FEDERAL DE PSICOLOGIA (CFP). Ano da Formação em Psicologia 2018: Revisão das diretrizes curriculares nacionais para os cursos de graduação em psicologia. Brasília: CFP, 2018.

CURY, B. de. M. Reflexões sobre a formação do psicólogo no Brasil: a importância dos estágios curriculares. Psicologia em Revista, v. 19. n. 1, p. 149-152, 2013.

GUARAGNI, C.; CHAVES, A. G. C. R. Estágio supervisionado: uma pesquisa com estudantes de psicologia. Destaques Acadêmicos, Lajeado, v. 9, n. 3, p. 96-111, 2017.

HONDA, G. C.; YOSHIDA, E. M. P. Mudança em pacientes de clínica-escola: avaliação de resultados e processos. Paideia, v. 22, n. 51, p. 73-82, 2012.

MACÊDO, S.; SOUZA, G. W.; LIMA, M. B. A. Oficina de desenvolvimento da escuta: prática clínica na formação em psicologia. Phenomenological Studies, v. 24, n.2, p.123-133, 2018.

MACHADO, R. L. O caminho inicial de uma jovem terapeuta diante dos desafios do manejo da transferência: vivências contratransferenciais à luz da clínica winnicottiana. Winnicott e-prints, v. 5, n. 1, p. 1-17, 2010.

MANTOVANI, C. C. P.; MARTURANO, E. M.; SILVARES, E. F. M. Abandono do atendimento em uma clínica-escola de psicologia infantil: variáveis associadas. Psicologia em Estudo, v. 15, n. 3, p. 527-535, 2010.

MARAVIESKI, S.; SERRALTA, F. B. Características clínicas e sociodemográficas da clientela atendida em uma clínica-escola de Psicologia. Temas em Psicologia, v. 19, n. 2, p. 481-490, 2011.

OLIVEIRA-MONTEIRO, N. R. de.; NUNES, M. L. T. Supervisor de psicologia clínica: um professor idealizado. Psico-USF, v. 13, n. 2, p. 287-296, 2008.

PAPARELLI, R. B.; NOGUEIRA-MARTINS, M. C. F. Psicólogos em formação: vivências e demandas em plantão psicológico. Psicologia, Ciência e Profissão, v. 27, n. 1, p. 64-79, 2007.

RIBEIRO, D. P. S. A.; TACHIBANA, M.; AIELLO-VAISBERG, T. M. J. A experiência emocional do estudante de psicologia frente à primeira entrevista clínica. Revista Aletheia, n. 28, p. 135-145, 2008.

SÁ, R. N de.; JUNIOR, O. A.; LEITE, T. L. Reflexões Fenomenológicas sobre a experiência de estágio e supervisão em um serviço de psicologia aplicada universitário. Revista da Abordagem Gestáltica, v. 16, n. 2, p. 135-140, 2010.

SANTOS, A. D.; NOBREGA, D. O. da. Dores e delícias de ser estagiária: o estágio na formação de psicologia. Psicologia, Ciência & Profissão, v. 37, n. 2, p. 515-528, 2017.

SANTOS, C. S. O. Supervisão Clínica: levantamento de opiniões. 2016. 69f. Monografia (Licenciatura em Fala Terapêutica). Faculdade de Ciências da Saúde. Universidade Fernando Pessoa. Porto, Portugal. 2016.

SANTOS, A. C.; NÓBREGA, D. O. Dores e delícias em ser estagiária na formação em psicologia. Psicologia, Ciência e Profissão, v. 37, n. 2, p. 515-528, 2017.

SANTOS, C. S.; FREITAS, M. L. S.; RODRIGUES, V. D. Perfil dos pacientes atendidos no setor de psicologia em uma clínica-escola. EFDeportes.com, Buenos Aires, v. 19, n. 202, 2015.

SAKAMOTO, C. K. Clínica psicológica: o manejo do setting e o potencial criativo. Boletim de Psicologia, v. 11, n. 135, p. 149-157, 2011.

SEI, M. B.; PAIVA, M. L. S. C. Grupo de supervisão em Psicologia e a função de holding do supervisor. Psicologia: Ensino e Formação, v. 2, n. 1, p. 9-20, 2011.

SILVA, J. A. P.; COELHO, M. T. A. D.; PONTES, S. A. Psicanálise e universidade: a experiência do estágio em psicologia clínica com orientação psicanalítica. Psicologia, Diversidade e Saúde, v.6, n. 1, p. 44-49, 2017.

TAVORA, M. T. Um modelo de supervisão clínica na formação do estudante de psicologia: A experiência da UFC. Psicologia em Estudo, v. 7, n. 1, p. 121-130, 2002.

WERNECK, V. H. Sobre a Clínica-Escola de Psicologia do UniCEUB, caracterização dos serviços e clientes – ano 2003. Monografia (Graduação em Psicologia) – UniCEUB – Centro Universitário de Brasília. Brasília, p. 43. 2005.

Publicado
2019-04-04
Seção
Artigos