ALBERTO MORAVIA E PIER PAOLO PASOLINI: conversa sobre a decomposição da forma romance

  • Angelo Favaro Universidade de Roma "Tor Vergata"
Palavras-chave: Moravia, Pasolini, forma, romance

Resumo

A linguagem de Petrolio envolve um aglomerado desordenado de todos os modos e formas possíveis com os quais se possa dobrar e maltratar uma língua, em gêneros até aquele momento codificados pela civilização. Nela se encontram elementos retirados tanto da linguagem do ensaio e de artigos de jornais, quanto da linguagem técnica do tratamento cinematográfico ou do roteiro, chegando ao discurso privado da carta e da confissão de diário, para explodir em poesia.

Biografia do Autor

Angelo Favaro, Universidade de Roma "Tor Vergata"
Angelo Favaro é especialista na obra de Alberto Moravia, doutor pela Università Degli Studi di Roma “Tor Vergata”, onde também leciona como professor para o Departamento de Estudos Humanísticos.

Referências

MORAVIA, Alberto. La vita interiore. Milano: Bompiani, 1978.

PASOLINI, Pier Paolo. Petrolio. Milano: Mondadori, 2005.

Publicado
2016-12-16
Seção
Artigos