RACISMO E JULGAMENTO SOCIAL NA INTERNET: CRIANÇAS E JOVENS NEGROS COMO ALVOS

Jorge Wambaster Freitas Farias, Roger Silva Sousa, Tiago Jessé Souza de Lima, Walberto Silva dos Santos, Suély Conde Ferreira

Resumo


RESUMO: Este estudo teve como objetivo avaliar o preconceito racial, emitido na internet, contra crianças e jovens negros em conflito com a Lei, mediante o julgamento social atribuído. Para tanto, selecionaram-se notícias que retratam a apreensão de jovens negros, acusados ou suspeitos de terem cometido roubos. Foram analisados, por meio do software IRAMUTEQ, 879 comentários sobre essas notícias, os quais constituíram um único corpus submetido a uma Classificação Hierárquica Descendente (CHD) e a Análises de Similitude. A CHD reteve 83,32% dos segmentos de texto, dividindo o corpus em três classes. Os resultados indicaram expressivo preconceito racial contra crianças e jovens negros, estigmatizando-os e legitimando as suas mortes. Significativamente, predomina nos comentários a concepção dos jovens como uma ameaça à ordem social, responsabilizando a ausência dos pais, a permissividade da Lei e as pessoas envolvidas com a promoção de Direitos Humanos. Em síntese, o estudo traz contribuições para a análise do preconceito racial na internet contra jovens negros em conflito com a lei, possibilitando avaliar expressões do preconceito e da discriminação racial no Brasil.

Palavras-Chave: Preconceito; racismo; discriminação; julgamento social; negros.

 

ABSTRACT: This study aims to evaluate the racial prejudice, issued over the internet, against black children in conflict with the law, through the attributed social judgment. Therefore, reports were selected that portray the apprehension of young black people, accused or suspected of having committed robberies. Through IRAMUTEQ software, 879 comments on the news were analyzed which constituted a single corpus submitted to a Descending Hierarchical Classification (DHC) and Similitude Analysis. The DHC retained 83,32% of the text segments, dividing the corpus into three classes. The results indicated expressive racial prejudice against black children and young people, stigmatizing them and legitimizing their deaths. Significantly, it predominates on the comments the concept of young people as a threat to the social order, blaming the absence of the parents, the permissiveness of the law and the people involved in the promotion of Human Rights. In summary, this study brings contributions to the analysis of racial prejudice over the internet against young black people in conflict with the law, making it possible to evaluate expressions of prejudice and racial discrimination in Brazil.

Keywords: Prejudice; Racism; Discrimination; Social judgment; Blacks.


Palavras-chave


Preconceito; racismo; discriminação; julgamento social; negros.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.