Algumas considerações sobre a clínica ampliada. Psicologia social comunitária e o relato de uma experiência na comunidade de Muzema, na cidade do Rio de Janeiro

  • Lurdes Perez Oberg
  • Junia Vilhena
Palavras-chave: Psicologia Social Comunitária, comunidade, clínica ampliada.

Resumo

O objetivo deste artigo é mostrar o relato de uma experiência de clínica em Psicologia Comunitária, do Serviço de Psicologia Aplicada, no Posto de Saúde da localidade de Muzema (Rio de Janeiro). A clínica ampliada, com enfoque teórico-psicanalítico, aproveitando as contribuições da Psicologia Sócio-Histórica, é uma proposta construída nesta experiência. As conclusões indicam que o reconhecimento do sujeito singular, decorrente da valorização do sujeito inconsciente, pode mostrar-se como uma condição fecunda para que o sujeito possa transitar nos pólos individual e coletivo, fortalecendo sua capacidade de crítica de si mesmo e da realidade social.

Biografia do Autor

Lurdes Perez Oberg
Doutora em Psicologia, Profa. do Departamento de Psicologia e Supervisora em Psicologia Comunitária do SPA da Universidade Veiga de Almeida e Pesquisadora Associada do LIPIS.
Junia Vilhena
Psicanalista, Professora do Programa de Pós-Graduação em Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro e Pesquisadora da Associação Universitária de Pesquisa em Psicopatologia Fundamental.
Publicado
2010-07-01
Como Citar
Oberg, L. P., & Vilhena, J. (2010). Algumas considerações sobre a clínica ampliada. Psicologia social comunitária e o relato de uma experiência na comunidade de Muzema, na cidade do Rio de Janeiro. Revista De Psicologia, 1(2), 95-118. Recuperado de http://periodicos.ufc.br/psicologiaufc/article/view/61
Seção
Artigos