A psicanálise, o trabalho e o laço social

  • Cintia da Silva Lobato Borges Universidade Veiga de Almeida
  • Maria Anita Carneiro Ribeiro Universidade Veiga de Almeida
Palavras-chave: Psicanalise, trabalho, laço social

Resumo

Embora Freud destaque o trabalho como uma importante fonte de satisfação libidinal, ainda hoje muitos psicanalistas ignoram a relevância do estudo deste tema. Neste artigo, pretendemos abordar as questões relativas ao trabalho e ao desejo a partir dos quatros discursos propostos por Jacques Lacan e também de vários autores das ciências sociais.

Biografia do Autor

Cintia da Silva Lobato Borges, Universidade Veiga de Almeida
Mestre em Psicanálise, Saúde e Sociedade pela Universidade Veiga de Almeida.
Maria Anita Carneiro Ribeiro, Universidade Veiga de Almeida
Doutora em Psicologia (Psicologia Clínica) pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, Brasil (1986). Professora Titular da Universidade Veiga de Almeida.
Como Citar
Borges, C. da S. L., & Ribeiro, M. A. C. (1). A psicanálise, o trabalho e o laço social. Revista De Psicologia, 4(2), 19-25. Recuperado de http://periodicos.ufc.br/psicologiaufc/article/view/802
Seção
Artigos