Projeto ELABORar: uma experiência de intervenção junto a trabalhadores da Universidade Federal do Ceará

  • Francisco Pablo Huascar Aragão Pinheiro Universidade Federal do Ceará
  • Gabrielle Coutinho Silva Universidade Federal do Ceará
  • Andréia Serafim de Negreiros Taissuke Universidade Federal do Ceará
  • Cássio Adriano Braz de Aquino Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: Política de Atenção à Saúde e Segurança do Trabalho do Servidor Público Federal, promoção à saúde, trabalho, intervenção, clínica da atividade

Resumo

O artigo relata uma experiência de intervenção realizada no Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal do Ceará. Fundamentada na Clínica da Atividade, caracteriza-se como uma ação de promoção à saúde, conforme a Política de Atenção à Saúde e Segurança do Trabalho do Servidor Público Federal. Participaram servidores técnico-administrativos que atuavam como secretários de cursos de graduação, pós-graduação, departamentos acadêmicos e com os docentes que chefiavam tais setores. A intervenção compreendeu três etapas:construção de análises e propostas de transformação, elaboração de um plano de ação e acompanhamento da implementação deste planejamento. Considerando a metodologia histórico-desenvolvimentista, foram utilizados a instrução ao sósia e a Escala de Avaliação do Contexto de Trabalho. Os trabalhadores identificaram problemáticas como: falhas na prescrição das atividades, dificuldades na relação com os colegas e com as chefias e debilidades nas condições de trabalho. Foram construídas propostas de transformação dos contextos laborais, assim como foi delineado um planejamento para sua execução. Concluiu-se que é imprescindível a criação de espaços de diálogo entre os servidores e a ampliação da interlocução destes com suas chefias imediatas, bem como um maior cuidado com a atualização das formas de prescrição e com a circulação de informações dentro da instituição.

Biografia do Autor

Francisco Pablo Huascar Aragão Pinheiro, Universidade Federal do Ceará
Francisco Pablo Huascar Aragão Pinheiro é graduado em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará – UFC (2005). Possui Mestrado em Psicologia pela UFC e cursa Doutorado em Educação nesta mesma instituição. Atua como psicólogo na Coordenadoria de Qualidade de Vida no Trabalho da UFC.
Gabrielle Coutinho Silva, Universidade Federal do Ceará
Gabrielle Coutinho Silva é graduanda em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará – UFC, integrante do Núcleo de Psicologia do Trabalho e bolsista de extensão do projeto ELABORar.
Andréia Serafim de Negreiros Taissuke, Universidade Federal do Ceará
Andréia Serafim de Negreiros Taissuke é graduada em Serviço Social pela Universidade Estadual do Ceará (UECE). Possui especialização em Gestão Pública pela UECE. Atua como assistente social na Coordenadoria de Qualidade de Vida no Trabalho da UFC.
Cássio Adriano Braz de Aquino, Universidade Federal do Ceará
Cássio Adriano Braz de Aquino é graduado em Psicologia pela Universidade Federal do Ceará (1989) e em Administração pela Universidade de Fortaleza (1986), Suficiência Investigadora em Psicologia Social — Universidad Complutense de Madrid (2000), Mestre em Administração pela Universidade Federal da Paraíba (1994) e Doutor em Psicologia Social — Universidad Complutense de Madrid (2003). Possui estágio Pós-doutoral na Universidad Complutense de Madrid (2009). Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Ceará e Coordenador Acadêmico e Vice-Diretor do Centro de Humanidades da UFC.
Como Citar
Pinheiro, F. P. H. A., Silva, G. C., Taissuke, A. S. de N., & Braz de Aquino, C. A. (1). Projeto ELABORar: uma experiência de intervenção junto a trabalhadores da Universidade Federal do Ceará. Revista De Psicologia, 4(2), 103-113. Recuperado de http://periodicos.ufc.br/psicologiaufc/article/view/809
Seção
Artigos