Liderança e produção de subjetividade na era da performance

  • Sidney Nilton de Oliveira
Palavras-chave: subjetividade, liderança, performance, qualidade e produtividade, autonomia

Resumo

Atualmente, uma das estratégias de dominação organizacional e institucional ocorre quando se manipula o indivíduo - pela cultura, pelas relações de poder, ou pelo marketing interno.A ideologia é mais estimulada quando o alvo da manipulação exibe objetiva ou subjetivamente uma necessidade regressiva de proteção. É nesta situação que a organização assume, simbólica e imaginariamente, um papel maternal e, conseqüentemente, o indivíduo é impedido de exercer uma autonomia afetiva. Constata-se que o neoliberalismo vai legislando e influenciando escolas e universidades para submeterem-se cada vez mais para as metas e condutas consideradas essenciais pelo mercado e significativamente privilegiadas pelo capitalismo transnacional.

Biografia do Autor

Sidney Nilton de Oliveira
Pós-Doutor em Economia da Educação pela FE-USP. Doutor em Psicologia Social e do Trabalho pelo IP- USP. Professor Associado da UFPR.
Publicado
2011-07-01
Como Citar
Nilton de Oliveira, S. (2011). Liderança e produção de subjetividade na era da performance. Revista De Psicologia, 2(2), 120-126. Recuperado de http://periodicos.ufc.br/psicologiaufc/article/view/93
Seção
Artigos