Tecnologias assistivas para cegos: competências essenciais para promoção da saúde conforme Consenso de Galway

Luciana Vieira de Carvalho, Gleicia Martins de Melo, Priscila de Souza Aquino, Régia Christina Moura Barbosa Castro, Maria Vera Lúcia Moreira Leitão Cardoso, Lorita Marlena Freitag Pagliuca

Abstract


Objetivo: identificar os domínios das competências essenciais definidos na Declaração de Consenso de Galway presentes em tecnologias assistivas para promoção da saúde de adultos cegos. Métodos: revisão integrativa realizada nas bases de dados Literatura Latino-Americana em Ciências de Saúde, SCOPUSCumulative Index to Nursing and Allied Health Literature, e portal Publicações Médicas. Após aplicação dos critérios de inclusão, a amostra constituiu de 10 artigos. Analisou-se oito competências para promoção da saúde: Catalisar mudança, Liderança, Avaliação das necessidades, Planejamento, Implementação, Advocacia e Parcerias. Resultados: as competências Catalisar mudança e Parcerias prevaleceram, sendo identificadas em todos os artigos. Nenhum estudo trabalhou a competência de Liderança e Advocacia. Conclusão: contemplou-se as competências Catalisar mudança, Avaliação das necessidades, Planejamento, Implementação, Avaliação e Parcerias em tecnologias para promoção da saúde de adultos cegos.

 

Keywords


Tecnologia; Promoção da Saúde; Pessoas com Deficiência Visual; Cegueira.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/rev%20rene.v18i3.20076

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


SciELO - Scientific Electronic Library OnlineResultado de imagem para Rede Iberoamericana de Editoração Científica em Enfermagem