Retalho médio-frontal tunelizado para reconstrução nasal e em canto de olho em único tempo: uma série de casos

  • Bruno Mendes Segundo Universidade Federal do Ceará http://orcid.org/0000-0002-1981-0404
  • Àdilla Thaysa Mendes Ribeiro Universidade Federal do Ceará
  • Marco Augusto Sobreira Rocha Filho Hospital Universitário Walter Cantídio
  • Luis Alberto Albano Ferreira Hospital Universitário Walter Cantídio
Palavras-chave: Procedimentos cirúrgicos reconstrutivos, Neoplasias cutâneas, Neoplasias de cabeça e pescoço

Resumo

Introdução: a importância da face para o convívio social faz com que defeitos cirúrgicos na região representem desafios reconstrutivos. Particularmente as regiões do nariz e canto de olho apresentam dificuldades reconstrutivas inerentes ao tipo de pele e funções. Bastante utilizado, o retalho médio-frontal tem a desvantagem de necessitar de dois tempos operatórios, elevando gastos e expondo o paciente a semanas de condição estética bastante desagradável. Proposta por Kersidag, a modificação da técnica com a ressecção da pele do pedículo e tunelização subcutânea para região distante como a ponta de nariz permite a cirurgia em tempo único. Objetivo: o presente trabalho objetiva demonstrar que a técnica de Kersidag é segura e adequada. Metodologia: como procedimento metodológico, recorremos a referências bibliográficas sobre a temática e realizamos procedimento com base nas modificações descritas. Resultados: três pacientes do sexo feminino, de 64 a 81 anos foram submetidos à técnica, com reconstrução com excelente resultado estético e sem nenhuma perda de retalho em todos os casos. Conclusão: concluímos que a técnica de Kersidag é uma opção viável e segura para reconstrução de defeitos em ponta nasal e em canto de olho em único tempo sem prejuízos estéticos ou funcionais.

Biografia do Autor

Bruno Mendes Segundo, Universidade Federal do Ceará
Cirurgião de Cabeça e Pescoço formado pelo Hospital Universitário Walter Cantídio (HUWC) da Universidade Federal do Ceará. Atualmente mestrando em Cirurgia da Universidade Federal do Ceará (UFC)
Àdilla Thaysa Mendes Ribeiro, Universidade Federal do Ceará
Acadêmica de Medicina da Universidade Federal do Ceará
Marco Augusto Sobreira Rocha Filho, Hospital Universitário Walter Cantídio
Residente de Cirurgia de Cabeça e Pescoço do Hospital Universitário Walter Cantídio
Luis Alberto Albano Ferreira, Hospital Universitário Walter Cantídio
Chefe do Serviço de Cirurgia de Cabeça e Pescoço do Hospital Universitário Walter Cantídio
Publicado
2018-03-28
Seção
RELATOS DE CASO