Gestação espontânea em paciente com suspeita de síndrome de Sheehan: relato de caso

  • Elvis Runy Paulino da Silva Universidade Federal do Ceará (UFC)
  • Cláudio César Monteiro de Castro Universidade Federal do Ceará (UFC)
Palavras-chave: Hipopituitarismo, Síndrome de Sheehan, Gestação

Resumo

A Síndrome de Sheehan (SS) é uma das causas mais comuns de hipopituitarismo nos países em desenvolvimento, onde os cuidados obstétricos são mais precários. Decorre da necrose pituitária devido à hemorragia uterina maciça no parto com hipotensão e choque. Pode apresentar um quadro clínico agudo ou crônico, com um hipopituitarismo completo ou parcial. Apesar de rara, a gravidez subsequente pode ser possível se houver uma reserva funcional na produção de gonadotrofinas. Será descrito o caso de uma mulher de 36 anos de idade que descobriu a gestação espontânea durante o período de investigação de uma suspeita de síndrome de Sheehan.

Biografia do Autor

Elvis Runy Paulino da Silva, Universidade Federal do Ceará (UFC)
Graduado em Medicina pela Universidade Federal do Ceará em 2011.1; Médico do Programa de Valorização da Atenção Básica 2012/2013 e Especialização em Saúde da Família pela Universidade Federal do Ceará em 2013. Residência em clínica médica pelo Hospital Universitário Walter Cantídio no período de março 2014 a fevereiro 2016. Atualmente trabalha como médico seletista clinico adulto na Unidade de Pronto Atendimento (UPA) José Walter desde março de 2014 e no Projeto Mais Médicos desde março de 2016.
Cláudio César Monteiro de Castro, Universidade Federal do Ceará (UFC)
Mestrado em Patologia, Professor adjunto do Departamento de Clínica Médica, Universidade Federal do Ceará (UFC).
Publicado
2018-12-26
Seção
RELATOS DE CASO