Não torne a África um objeto de exploração novamente

  • Laura Burocco

Resumo

O artigo pretende apresentar a recepção do filme Pantera Negra pelo pú- blico afro-brasileiro. Levanta questões sobre a apropriação autônoma das mensagens do filme por parte da comunidade diaspórica afro-brasileira. Questiona também a construção de uma identidade negra, presente e fu- tura, ligada a uma aparente redescoberta do continente africano por parte da indústria cultural global. Baseia-se em uma pesquisa feita na internet acerca dos comentários feitos sobre o filme e na troca de e-mails entre a autora e algumas mulheres de suas redes sociais.

Publicado
2019-06-10