AVALIAÇÃO DO IMPACTO DA ATIVIDADE SÍSMICA SOBRE A CAPTURA DE PEIXES ATRAVÉS DO MONITORAMENTO DE DESEMBARQUES PESQUEIROS: UM ESTUDO DE CASO NO LITORAL DO RIO DE JANEIRO, BRASIL

  • Janaina Sales Holanda Laboratório de Recursos Pesqueiros Artesanais, Instituto de Oceanografia, Universidade Federal do Rio Grande
  • Marcelo Cunha Vasconcellos Laboratório de Recursos Pesqueiros Artesanais, Instituto de Oceanografia, Universidade Federal do Rio Grande
  • Alessandra Cristina da Silva Departamento de Engenharia de Pesca, Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: sísmica, peixes, Modelo Linear Generalizado, impacto ambiental, monitoramento de desembarque

Resumo

As pesquisas sísmicas em geofísica através do uso deair guns têm sido amplamente empregadas na prospecção de petróleo e gás no meio marinho. Essa tecnologia é classificada como uma das principais fontes de ruído subaquático, em que ainda é pouco conhecido seus efeitos sobre as pescarias. Efeitos de redução e incremento da produção pesqueira já foram observados, porém estes variam entre espécies e artes-de-pesca empregada. No Brasil, monitoramentos de desembarques pesqueiros estão sendo realizados como condicionantes do licenciamento ambiental das atividades sísmicas. Desta forma, o objetivo deste estudo foi identificar efeitos desta atividade sobre a produção de peixes desembarcados, incluindo nas análises dados de Temperatura da Superfície do Mar (TSM) e concentração de Clorofila-a (Chla). Utilizando Modelos Lineares Generalizados (MLG), verificou-se que as variáveis ambientais e a atividade sísmica pouco contribuíram para a variabilidade do rendimento das pescarias, porém foram observadas tendências diretas e inversas já documentadas entre as capturas e as variáveis ambientais, principalmente para as espécies pelágicas. A metodologia de coleta de dados de desembarque atualmente empregada apresentou sérias falhas que prejudicaram a qualidade das análises, dentre estaspodemos citar a falta de informações espaciais dos locais de capturas e de um maior detalhamento do esforço de pesca. Recomenda-se desta forma que seja reavaliada a exigência do uso de monitoramentos de desembarques como ferramenta para identificar os impactos da atividade sísmica sobre a pesca artesanal.
Publicado
2014-07-01
Seção
Artigos originais