DEPURATION CAPACITY OF THE TIMONHA - UBATUBA ESTUARINE SYSTEM, IN CEARÁ STATE, BRAZIL

  • Jáder Onofre de Morais Professor Titular da Universidade Estadual do Ceará
  • Carolina Braga Dias Aluna de Doutorado-Programa de Pós-Graduação em Ciências Marinhas Tropicais
  • Lidriana de Souza Pinheiro Professor Adjunto do Instituto de Ciências do Mar, Universidade Federal do Ceará
Palavras-chave: capacidade de depuração, tempo de residência, estuário tropical, sistema estuarino Timonha-Ubatuba.

Resumo

A capacidade de purificação do sistema estuarino Timonha-Ubatuba foi avaliada através da aplicação de modelos  numéricos semi-empíricos e dados coletados em campo. Os modelos baseados em características hidrológicas e morfológicas  deste estuario resultaram nas estimativas do tempo de descarga ao londo do canal estuarino. O sistema estuarino está  localizado no litoral Semi-Árido do Nordeste brasileiro, onde os rios são intermitentes, com fluxo restrito ao período  chuvoso. O monitoramento foi realizado em 2004, durante os períodos de chuva e estiagem em um ciclo completo de mare  de sizígia. Durante o período de estiagem, praticamente não houve fluxo fluvial, ocasião em que os processos de diluição  foram controlado pela oscilação da maré (prisma de maré). Por outro lado durante o período chuvoso as descargas fluviais  foram capazes de renovar as águas do sistema com mais rapidez, com tempo de residência de apenas 1 dia. Em geral, o  sistema estuarino Timonha-Ubatuba apresentou uma boa capacidade de renovação das suas águas.
Publicado
2014-07-01
Seção
Artigos originais