A influência dos blogs de moda no processo de decisão de compra do consumidor feminino

  • Carla Cristine Vianna Nogueira Universidade da Amazônia - UNAMA
  • Daniele de Oliveira Ferreira Universidade da Amazônia - UNAMA
  • Emílio José Montero Arruda Filho Universidade da Amazônia - UNAMA
Palavras-chave: Blog. Moda. Plus Size. Intenção de Compra.

Resumo

Este artigo tem como objetivo analisar como o consumidor feminino é influenciado pelo conteúdo publicado nos blogs de moda. Para tanto, examina dois blogs – Entre Topetes e Vinis, voltado ao público plus size, e Garotas Estúpidas, de moda regular –, avaliando se as motivações de cada público são hedônicas ou utilitárias em função do seu perfil de consumo. A pesquisa possui natureza qualitativa e utiliza o método netnográfico, que se baseia em estudos de grupos participantes em comunidades virtuais e/ou sites de discussões da Internet. Os resultados mostram grande influência no processo de decisão de compra no caso do blog plus size, focado nos valores utilitaristas dos usuários, enquanto o blog regular ativa mais uma relação hedônica, servindo para a consulta de informações e para a interação entre grupos. Esse cenário serve de embasamento para que as empresas observem os estímulos e as características de cada consumidor, aproveitando assim todos os benefícios que a mídia social pesquisada oferece para o mercado da moda na atualidade.

Biografia do Autor

Carla Cristine Vianna Nogueira, Universidade da Amazônia - UNAMA
Pesquisadora do Grupo de Pesquisa em Marketing Tecnológico da Universidade da Amazônia - UNAMA, desde 2014, se formou em adminsitração de empresas em 2015 pela UNAMA.
Daniele de Oliveira Ferreira, Universidade da Amazônia - UNAMA
Pesquisadora do Grupo de Pesquisa em Marketing Tecnológico da Universidade da Amazônia - UNAMA, desde 2014, se formou em adminsitração de empresas em 2015 pela UNAMA.
Emílio José Montero Arruda Filho, Universidade da Amazônia - UNAMA
Professor da Universidade da Amazônia - UNAMA e da Universidade FUMEC, atuando atualmente em ambas universidades em seus programas de pós-graduação strictu senso (mestrado e doutorado), Emílio Arruda possui Doutorado em Marketing pela Universidade de Bergamo na Itália, passando um período de 1 ano como visitante na Universidade de Rhode Island nos EUA, possui pós-doutoramento realizado na FGV EAESP, é formado em Engenharia eletrônica com mestrado em telecominicações pela Universidade Federal do Pará. Bolsista de Produtividade do CNPq e coordenador de diversos projetos de pesquisa nacional e internacional.

Referências

AMARAL, A.; NATAL, G.; VIANA, L. Netnografia Como Aporte Metodológico da Pesquisa em Comunicação Digital. Revista Famecos, Porto Alegre, nº 20, dez, 2008.

ARRUDA FILHO, E. J. M; CABUSAS, J. A.; DHOLAKIA, N. Fator social versus tecnologia utilitária: marketing social versus marketing utilitário. Revista de Gestão da Tecnologia e Sistemas de Informação, v. 5, 2008.

ARRUDA FILHO, E. J. M.; SANTOS, A. J. C. d.; BRITO, E. P. Z. Technology Consumer Behaviour: A Study of Hedonic/Utilitarian Preference via Virtual Space. International Journal of Business Information Systems, v. 20, n. 4, 2015.

BATRA, Rajeev; AHTOLA, Olli T. Measuring the Hedonic and Utilitarian Sources of Consumer Attitudes. Marketing Letters, v. 2, no. 2, p. 159-170, 1990.

BENTO, Patrícia. A influência dos blogs no processo de decisão de compra. 2008: Disponível em: <http://www.marketingtecnologico.com/Artigo/a-influencia-dos-blogs-no-processo-de-decisao-de-compra >. Acesso em: maio. 2015.

BERTOLINO, Isabela C. O poder das jovens blogueiras como formadoras de opinião na atualidade. Faculdade de Tecnologia e Ciências Sociais Aplicadas – FATECS, Brasília. 2010. Originalmente apresentado como trabalho de conclusão de curso, FATECS, 2010.

BOURDIEU, Pierre. Haute couture and haute culture. In: BOURDIEU, Pierre (Ed.). Sociology in Question. London: Sage, 1993.

CAMPBELL, C. A ética romântica e o espírito do consumo moderno. Rio de Janeiro: Rocco, 2001.

CARACIOLA, Carolina B. A influência da moda na sociedade contemporânea. In: MODA DOCUMENTA: MUSEU, MEMÓRIA E DESIGN, 50º, 2015 São Paulo. Anais... São Paulo, 2015.

CLIFFORD, Stephanie. Plus-Size revelation: big women have cash too. New York Times, New York, 18 June. 2010.

COBRA, Marcos. Marketing e moda. Ed. Senac. São Paulo, 2008.

COOPER. Charlotte. What’s fat activism? Departament of Sociology Working Paper Series. University of Limerick, 2008.

CORRÊA, M. J. Comunicação digital: gêneros e multimodalidade aplicados à moda. In: CONGRESSO BRASILEIRO DE CIÊNCIAS DA COMUNICAÇÃO NA REGIÃO NORDESTE, 9º, 2010, Campina Grande-PB. Resumos. Campina Grande-PB, 2010.

COUTINHO, Camila. Garotas estupidas por Camila Coutinho. 2012. Disponível em:<http://www.garotasestupidas.com/sobre-camila-coutinho/>. Acesso em: 11 jun.

CRANE, Diana. A moda e seu papel social: classe, gênero e identidade das roupas. Tradução de Cristina Coimbra. São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2006.

DE CARLI, Ana M. S. O sensacional da moda. 1ª ed. Caxias do Sul: Educs, 2002.

DENZIN, Norman. K.; LINCOLN, Yvonna, S. The Sage Handbook of Qualitative Research. 4st ed., Sage Publications: Los Angeles, US, 2011.

E-BIT Empresa de inteligência de comércio eletrônico. Relatório Webshoppers 2018. 37ª Ed., 2018.

EUROMONITOR. The Plus-Size Market: clothing and footwear-USA. September, 2009.

FERNANDES, Gutemberg. Atração de púbico alvo, a importância do conteúdo relevante. 2014. Disponível em: <http://conexaoagencia.com.br/atracao-de-publico- alvo-a-importancia-do-conteudo-relevante>. Acesso em: 27 out. 2015.

FERREIRA, Aletéia; VIEIRA, Josiany. A moda dos blogs e sua influência na cibercultura: do diário virtual aos posts comerciais. Revista Nacional dos Programas de Pós-Graduação em Comunicação, Pelotas-RS, maio 2007.

FOXALL, G. R.; YANI-DE-SORIANO, M. M. Situational influences on consumers’ attitudes and behavior. Journal of Business Research, v. 58, nº 4, 2005.

GODART, Frédéric. Sociologia da Moda. São Paulo: Editora Senac, 2010.

GOFFMAN, Ervin. Stigma: notes on the management of spoiled identity. New York: Touchstone, 1986.

GOSWAMI, Shubham. A Study on the Online Branding Strategies of Indian Fashion Retail Stores. Journal of Brand Management, v. 12, n. 1, p. 45-59, 2015

HAMESTER, Morgana; MORAES, Ana L. C. Somos todos convidados? Iara – Revista de Moda, Cultura e Arte, São Paulo, nº 1, v.4, abril, 2011.

HARJU, Anu A. Fashionably Voluptuous: Normative Femininity and Resistant Performative Tactics in Fatshion Blogs. Journal of Marketing Management, v. 31, n. 15-16, p. 1602-1625, 2015.

KARSAKLIAN, Eliane. Comportamento do consumidor. São Paulo: Editora Atlas, 2000.

KHAN, U.; DHAR, R.; WERTENBROCH, K. A Behavioral Decision Theoretic Perspective on Hedonic and Utilitarian Choice. In Inside Consumption: Frontiers of Research on Consumer Motives, Goals, and Desires (2005), ed. S. Ratneshwar and David Glen Mick, London: Routledge, 144-165, 2005.

KOZINETS, R. V. The field behind the screen: using netnography for marketing research in online communities. Journal of Marketing Research, nº 39, February, 61-72, 2002.

KUNST, Marina H.; ROCHA, Maria A. V. Consumo de moda praia, surfwear e magazine:o que deve ser priorizado? In: COLÓQUIO DE MODA, 8º, 2012, Rio de Janeiro. Anais... Rio de Janeiro: Fórum das Escolas de Moda, 2012.

LEITE, L. B. de A. A voz do leitor no blog Shameonyou, blogueira! Universidade de Brasília, Brasília, 2013. Originalmente apresentada como monografia de graduação, UNB, 2013.

LIMA, Paula G. Moda, necessidade e consumo. Actas de Diseño. Buenos Aires, Argentina, Ano V, nº 9, jul. 2010,

LIPOVETSKY, G.; ROUX, E. O Luxo Eterno: da idade do sagrado ao tempo das marcas. São Paulo: Cia das Letras, 2008.

LIPPERT, Denner. A relação e-commerce moda e rede sociais. 2013. Disponível em: <http://webfashionmarketing.com/index.php/a-relacao-e-commerce-moda-e-redes-sociais>. Acesso em: 20 jun. 2015.

LUZ, Adriano. Como conseguir comentários em seu blog. Disponível em: <http://www.gerenciandoblog.com.br/2009/03/como-conseguir-comentarios-em-seu-blog.html>. Acesso em: 27 out. 2015.

MALIK, G.; GUPTHA, A. An empirical study on behavioral intent of consumers in online shopping. Business Perspectives and Research. 2013.

MEDEIROS, B.; LADEIRA, R.; LEMOS, M.; BRASILEIRO, F. A influência das mídias sociais e blogs no consumo da moda feminina. In: XI SIMPÓSIO DE EXCELÊNCIA EM GESTÃO DE TECNOLOGIA, 2014, Resende-RJ. Arquivos eletrônicos. Resende-RJ: AEDB, 2014.

MELO, Jaqueline F. H.; ROCHA, Maria A. V. Silhuetas e corpos na maturidade: como vesti-los? Revista Brasileira de Economia Doméstica, Viçosa-MG, v.22, nº 2, 2011.

MERRIAM-WEBSTER DICTIONARY. Fashionista, 2010. Disponível em: <http://www.merriam-webster.com/dictionary/fashionista>. Acesso em: 2015.

MESQUITA, Laís R. A publicidade nos blogs de moda. Juiz de Fora-MG: UFJF, 2012. Originalmente apresentado como Trabalho de Conclusão de Curso, Universidade Federal de Juiz de Fora, 2012. Disponível em: <http://www.ufjf.br/facom/files/2013/05/A-publicidade-nos-blogs-de-moda-Lais- Mesquita.pdf>.Acesso em: 20 maio 2015.

MORENO, Tania V. A. A Constituição dos Sentidos da Mulher “plussize”. Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul. 2014.

MOURA, Luana M. A influências dos blogs de moda no processo de decisão de compra dos consumidores Natalenses. Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Natal, 2013. Originalmente apresentado como trabalho de conclusão de curso, UFRN, 2013. Disponível em:<http://monografias.ufrn.br:8080/jspui/bitstream/1/657/1/LuanaMM_Monografias.pdf>. Acesso em: 2015.

MUNIZ, Letícia. Moda é o setor que mais interage nas ações digitais. Revista Exame, 15 mai. 2012. Disponível em: <http://exame.abril.com.br/marketing/noticias/moda-e-o-setor-que-mais-interage-nas-acoes-digitais-diz-pesquisa>. Acesso em: 15 jan. 2015.

NANNI, Henrique; CAÑETE, Karla. A importância das redes sociais como vantagem competitiva nos negócios corporativos. 2010. In: Congresso Virtual Brasileiro de Administração, 12º, 2015. Anais eletrônicos.

NARCIZO, Bruna. Blogueiras cheias de estilo. Isto é Gente. São Paulo, nº 571, agosto 2010.

NEVES, J.L. Pesquisa qualitativa: características, usos e possibilidades. Caderno de Pesquisas em Administração, v.1, nº 3, 1996.

OKADA, E. M. Justification Effects on Consumer Choice of Hedonic and Utilitarian Goods. Journal of Marketing Research, Vol. 42, Issue 1, p. 43. 2005.

ORDUNÃ, Otavio Rojas; ALONSO, Junior; ANTUNEZ, José Luiz. Blogs: revolucionando os meios de comunicação. São Paulo: PIONEIRA THOMSON LEARNING, 2007.

PETERS, Lauren D. You are What You Wear: How Plus-Size Fashion Figures in Fat Identity Formation. The Journal of Dress, Body & Culture, v. 18, n. 1, p. 45-71, 2014.

PINTO, M. J. Blogs! Seja um editor na era digital. São Paulo: Érica, 2002.

ROCHA, E. Culpa e prazer: imagens do consumo na cultura de massa. Comunicação, mídia e consumo, São Paulo, vol. 2, nº 3, 2005.

ROSA, Helaine A. Comunicação, mercado e mundo virtual: tendências para a próxima década. Razón y Palabra. México. nº 59, jun. 2015.

SANDICKI, Ö; GER, G. Stigma, identity and consumption. In: RUVIO, A. A; BELK, R. W. (Ed). The Routledge companion to identity and consumption. New York: Routledge, 2013.

SANDICKI, Ö; GER, G. Veiling in style: how does a stigmatized practice become fashionable? Journal of Consumer Research, v. 37, nº 1, p. 15-36, 2010.

SCARABOTO, D. Comunidades virtuais como grupos de referência nos processos decisórios do consumidor. Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Porto Alegre, 2006. Originalmente apresentado como dissertação de mestrado, UFRS, 2006. Disponível em: <http://www.lume.ufrgs.br/handle/10183/6654>. Acesso em: 2015.

SCARABOTO, D; FISCHER, E. Frustrated fatshionistas: an institutional theory perspective on consumer quests for greater choice in mainstream markets. Journal of Consumer Research, v. 39, nº 6. 2013.

SHETH J. N; MITTAL, B.; NEWMAN B. I. Comportamento do cliente: indo além do comportamento do consumidor. São Paulo: Atlas, 2001.

SIGNATURE9. The 99 most influential fashion & beauty blogs. Disponível em: <http://www.signature9.com/style-99>. Acesso em: 13 jun. 2015.

SILVA, Carolina H. B. P. O consumo dita a moda: percepções sobre os usos do blog shoelover. UNIFRA. Santa Maria-RS. 2011.

SILVA, Tomaz T. da. A produção social da identidade e da diferença. In: HALL, Stuart; WOODWARD, Kathryn. (org.). Identidade e diferença: a perspectiva dos estudos culturais. Petrópolis: Vozes, 2000.

SIQUEIRA, H. S G. Cultura de consumo pós-moderna. Disponível em: <http://www. angelfire.com/sk/holgonsi/consumismo2.html>Acesso em: maio. 2007.

SLAMA, M. E., & SINGLEY, R. B. Self-monitoring and value-expressive vs. utilitarian ad effectiveness: why the mixed findings? Journal of Current Issues & Research in Advertising, Vol. 18, 1996.

SOLOVAY, Sondra. Tipping the scales of justice: fighting weight-based discrimination. Amherst, NY: Prometheus Books, 2000.

STEARNS, Peter. Fat history: bodies and beauty in the modern west, New York: New York University Press, 1997.

TECHNORATI. Relatório Anual de Influência Digital. Disponível em: <http://www.technorati.com>. Acesso em: 22 maio. 2015.

VAN DER HEIJDEN, H. User acceptance of hedonic information systems. MIS Quarterly, vol. 28, 2004.

VOGUE UNITED KINGDOM. Lagerfeld’s high street split. November 18, 2004. Disponível em: <http://www.vogue.co.uk/news/2004/11/18/lagerfelds-high-street-split>. Acesso em: 2015.

WHITE, Harrison. Identity and control: a structural theory of social action. Princeton, NJ: Princeton University Press, 1992.

WILSON, Eric. Bloggers crash fashion’s front row. New York Times, December 24, 2009.

YANG, K. C. C. The effects of social influence on blog advertising use. Intercultural Communication Studies, Texas-USA, v. 2, nº 20, 2011.

ZAMBERLAN, L.; FROEMMING, L. M. S.; PRÊTO, L. F.; PRÊTO, M. B. A perspectiva hedonista no consumo de moda: uma investigação cross-cultural entre brasileiros e argentinos. XXXIV Encontro da ANPAD, Rio de Janeiro: 2010. Disponível em: <http://www.anpad.org.br/admin/pdf/mkt2425.pdf>. Acesso em: 9 maio. 2015.

ZANETE; L. E B. O peso do varejo, o peso no varejo e a identidade: uma análise de consumidoras plussize. RAE, São Paulo, v. 53, nº 6, nov-dez 2013.

ZARA, André. Sinônimo de elegância. Conexão SEBRAE. São Paulo: SEBRAE, n.31, p.7-9, dez. 2013.

Publicado
2018-04-30
Seção
Artigos