PROBLEMATIZAÇÕES CONSTITUINTES DA JUVENTUDE ESTUDANTIL CONTEMPORÂNEA

Dorgival Gonçalves Fernandes

Resumo


Neste artigo, a partir de mapeamento sobre a produção acadêmica acerca da juventude estudantil brasileira na contemporaneidade publicada em periódicos nacionais, buscamos compreender o processo de constituição da juventude estudantil por meio do discurso acadêmico. Em tal discurso, majoritariamente referente a estudantes de escolas públicas, analisamos os temas e as problematizações enunciados sobre a juventude estudantil, entendendo, a partir do pensamento de Michel Foucault, que a prática discursiva constitui o objeto sobre o qual fala. Os temas enunciados e problematizados pelo discurso acadêmico na constituição da juventude estudantil como condição e lugar de sujeito, são: Juventude, escola e escolarização; Juventude, educação e mídias; Juventude, educação e trabalho; Juventude e educação não-formal; Juventude, educação e violência; Educação e jovens em conflito com a lei; Juventude, educação e sexualidade e Educação e protagonismo juvenil. Tais temas, no processo de constituição referido são postos no discurso acadêmico em situação de complementaridade e interdependência. Segundo os discursos analisados, a juventude estudantil é constituída a partir de um lugar de sujeito inferiorizado na escola, e nesta, luta pela conquista de respeito e autonomia enquanto sujeito discente, pelo reconhecimento das suas necessidades e demandas específicas no que se refere à aprendizagem escolar, bem como pela valorização da cultura juvenil e da sua condição de jovem nessa instituição. Para a maioria dos jovens estudantes, a escola se configura como lugar de tensão e conflitos. Assim, a constituição da juventude estudantil é pautada por tensão e conflitos, principalmente quanto à disciplinarização imposta pela escola e a autonomia desejada pelos jovens estudantes.

Palavras-chave


Jovens estudantes; Discurso acadêmico; Escola; Processos de constituição; Michel Foucault

Texto completo:

PDF

Referências


ALBUQUERQUE JUNIOR, Durval M. de. Por um ensino que deforme: o docente na pós-modernidade. In. Áurea da Paz Pinheiro e Sandra C. A. Peregrino (Org.). Tempo, memória e patrimônio cultural. Teresina: EdUFPI, 2010, p. 55-72.

ALTMANN, Helena. A sexualidade adolescente como foco de investimento político-social. Educação em Revista, Belo Horizonte, n. 46, p. 287-310, dez. 2007.

ARROYO, Miguel González. Quando a violência infanto-juvenil indaga a Pedagogia. Educação &. Sociedade, Campinas, v. 28, n. 100, p. 787-807, out. 2007.

ASINELLI-LUZ, Araci; FERNANDES JÚNIOR, Nelson. Gênero, adolescências e prevenção ao HIV/AIDS. Pro-Posições, Campinas, v. 19, n. 2, maio/ago. 2008

ASTIGARRAGA, Andrea Abreu. Estratégias de acesso ao Ensino Superior entre jovens universitários com experiência de trabalho na infância. Educação Temática Digital, Campinas, v.12, n.esp., p.1-23, set. 2010.

BÉVORT, Evelyne; BELLONI, Maria Luiza. MÍDIA-EDUCAÇÃO: conceitos, história e perspectivas. Educação &. Sociedade, Campinas, v. 30, n. 109, p. 1081-1102, set./dez. 2009.

CAIMI, Flávia Eloisa; OLIVEIRA, Sandra R. Ferreira de. Os jovens e a aula de história: entre tensões, expectativas e possibilidades. Revista Educação em Questão, Natal, v. 44, n. 30, p. 88-109, set./dez. 2012.

CELLA, Silvana M.; CAMARGO, Dulce M. P. de. Trabalho pedagógico com adolescentes em conflito com a Lei: feições da exclusão/inclusão. Educação &. Sociedade, Campinas, v. 30, n. 106, p. 281-299, jan./abr. 2009.

CORROCHANO, Maria Carla. Jovens operários e operárias - experiência fabril e sentidos do trabalho. Perspectiva, Florianópolis, v. 22, n. 02, p. 425-450, jul./dez. 2004.

DAYRELL, Juarez; GOMES, Nilma L.; LEÃO, Geraldo. Escola e participação juvenil: é possível esse diálogo? Educar em Revista, Curitiba, n. 38, p. 237-252, set./dez. 2010.

DELEUZE, Gilles. Conversações. Tradução de Peter Pál Pelbart. Rio de Janeiro: 34, 1992.

DIAS, Ângela Correia. Processos comunicacionais da cultura jovem na rede social do ciberespaço. Educar, Curitiba, n. 26, p. 131-145, julho/dez. 2005.

FALEIROS, Vicente de Paula. Juventude: trabalho, escola e desigualdade. Educação & Realidade, Porto Alegre, v.33, n. 02, p. 63-82, jul/dez. 2008.

FERRETTI, Celso João. Considerações sobre a apropriação das noções de qualificação profissional pelos estudos a respeito das relações entre trabalho e educação. Educação & Sociedade, Campinas, v. 25, n. 87, p. 401-422, maio/ago. 2004.

FERRETTI, Celso João; ZIBAS, Dagmar M. L. e TARTUCE, Gisela Lobo B. P. Protagonismo juvenil na literatura especializada e na reforma do Ensino Médio. Cadernos de Pesquisa, v. 34, n. 122, p. 411-423, maio/ago. 2004

FISCHER, Rosa M. Bueno. Mídia e Educação: em cena, modos de existência. Educar. Curitiba, n. 26, p. 17-38, 2005a.

______. MÍDIA E JUVENTUDE: experiências do público e do privado na cultura. Cadernos Cedes, Campinas, v. 25, n. 65, p. 43-58, jan./abr. 2005b.

FOUCAULT, Michel. Ditos e Escritos. Ética, sexualidade, política. MOTTA, Manoel Barros da. (Org.). Tradução de Elisa Monteiro e Inês A. D. Barbosa. Rio de Janeiro: Forense Universitária, 2004. v. 5.

GALLO, Alex Eduardo e WILLIAMS, Lúcia C. Albuquerque. A escola como fator de proteção à conduta infracional de adolescentes. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 38, n. 133, jan./abr. 2008.

LARANJEIRA, Denise Helena P. e TEIXEIRA, Ana M. Freitas. Vida de jovens: educação não-formal e inserção socioprofissional no subúrbio. Revista Brasileira de Educação, Rio de Janeiro, v. 13, n. 37 jan./abr. 2008.

LEÃO, Geraldo M. Pereira. Educar, ocupar, vigiar: alcances e limites de um programa para jovens pobres. Perspectiva, Florianópolis, v. 26, n. 1, 319-340, jan./jun. 2008.

LELIS, Isabel. O significado da experiência escolar para segmentos das camadas médias. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 35, n. 125, p. 137-160, maio/ago. 2005.

MAGGIE, Yvonne. Racismo e anti-racismo: preconceito, discriminação e os jovens estudantes nas escolas cariocas. Educação &. Sociedade, Campinas, v. 27, n. 96, p. 739-751, out. 2006.

MAMEDE-NEVES, Maria A. Campos e DUARTE, Rosalia. O contexto dos novos recursos tecnológicos de informação e comunicação e a escola. Educação &. Sociedade, Campinas, v. 29, n. 104, p. 769-789, out. 2008.

MARRIEL, Lucimar C. et al. Violência escolar e auto-estima de adolescentes. Cadernos de Pesquisa, v. 36, n. 127, jan./abr. 2006.

MARTINS, Francisco A. S.; DAYRELL, Juarez T. Juventude e Participação: o grêmio estudantil como espaço educativo. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 38, n. 4, p. 1267-1282, out./dez. 2013.

MATTOS, Valéria de Bettio; BIANCHETTI, Lucídio. Educação continuada: solução para o desemprego? Educação & Sociedade, Campinas, v. 32, n. 117, p. 1167-1184, out.-dez. 2011.

MENEZES, Jaileila de Araújo; COSTA, Mônica Rodrigues; FERREIRA, Danielle de F. Tavares. Escola e movimento hip hop: o campo das possibilidades educativas para a juventude. Educação Temática Digital, Campinas, v.12, n.esp., p.83-106, set. 2010.

MITRULIS, Eleny; PENIN, Sônia T. de Sousa. Pré-vestibulares alternativos: da igualdade à eqüidade. Cadernos de Pesquisa, v. 36, n. 128, maio/ago. 2006.

MOSTAFA, Solange Puntel. et al. LEITURA NAS TELAS: os jovens na internet. Educação Temática Digital, Campinas, v.5, n.2, p.58-74, jun. 2004.

NOVENA, Nadia Patrizia. Representações sociais de jovens sobre a sexualidade – um estudo com alunos de educação básica em Recife-PE. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 89, n. 221, p. 162-181, jan./abr. 2008.

OLIVEIRA, Adriano Machado; TOMAZETTI, Elisete M. Quando a sociedade de consumidores vai à escola: um ensaio sobre a condição juvenil no Ensino Médio. Educar em Revista, Curitiba, n. 44, p. 181-200, abr./jun. 2012.

OSWALD, Maria Luiza; ROCHA, Sergio L. Alves da. Sobre juventude e leitura na “idade mídia”: implicações para políticas e práticas curriculares. Educar em Revista, Curitiba, n. 47, p. 267-283, jan./mar. 2013.

PACKER, Abel L. Os periódicos brasileiros e a comunicação da pesquisa nacional. REVISTA USP, São Paulo, n.89, março/maio 2011.

REIS, Rosemeire. Experiência escolar de jovens/alunos do ensino médio: os sentidos atribuídos à escola e aos estudos. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 38, n. 03, p. 637-652, jul./set. 2012.

ROCHA, Fúlvio Holanda; ATEM, Érica. Jovens e formação técnica no IF-CE: dilemas contemporâneos no processo de escolha profissional. Educação Temática Digital, Campinas, v.12, n.esp., p.64-82, set. 2010.

ROSA, Ana Carolina P. da Silva; FERREIRA, Helenice M. Cassino; OSWALD, Maria L. M. Bastos. PRÁTICAS CULTURAIS JUVENIS: máscaras contemporâneas. Revista da FAEEBA – Educação e Contemporaneidade, Salvador, v. 19, n. 33, jan./jun. 2010.

ROSISTOLATO, Rodrigo Pereira da Rocha. Orientação sexual na escola: expressão dos sentimentos e construção da autoestima. Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos, Brasília, v. 90, n. 225, p. 367-384, maio/ago. 2009.

SALLES, Leila M. Ferreira; SILVA, Joyce M. A. de Paula e. Diferenças, preconceitos e violência no âmbito escolar: algumas reflexões. Cadernos de Educação, Pelotas, n.30, p. 149 - 166, jan./junho 2008.

SANTANA, Clésia M. Hora; MERCADO, Luis P. Leopoldo. A mídia televisiva e a transmissão de valores na ótica de alunos do Ensino Médio. Educar em Revista, Curitiba, n. 42, p. 263-277, out./dez. 2011.

SILVA, Mariléia Maria da. O trabalho para os jovens diplomados no novo modelo de acumulação capitalista. Perspectiva, Florianópolis, v. 22, n. 02, p. 405-424, jul./dez. 2004.

SILVA, Analise de Jesus da. A formação inicial e continuada de professores de adolescentes. Diálogo Educacional, Curitiba, v. 7, n. 21, p.199-212, maio./ago. 2007.

SPOSITO, Marília Pontes (Coord.). Juventude e Educação: interações entre a educação escolar e a educação não-formal. Educação & Realidade, Porto Alegre, v. 33, n. 2, p. 83-98, jul/dez. 2008.

SPOSITO, Marilia Pontes; GALVÃO, Izabel. A experiência e as percepções de jovens na vida escolar na encruzilhada das aprendizagens: o conhecimento, a indisciplina, a violência. Perspectiva, Florianópolis, v. 22, n. 02, p. 345-380, jul./dez. 2004.

TEIXEIRA-FILHO, Fernando Silva; RONDINI, Carina Alexandra; BESSA, Juliana Cristina. Reflexões sobre homofobia e educação em escolas do interior paulista. Educação e Pesquisa, São Paulo, v. 37, n. 4, p. 725-742, dez. 2011.

VICTORIO FILHO, Aldo; BERINO, Aristóteles de Paula. Culturas juvenis, cotidianos e currículos. Currículo sem Fronteiras, v.7, n.2, p.7-20, Jul/Dez 2007.

ZIBAS, Dagmar M. L.; FERRETTI, Celso J.; TARTUCE, Gisela Lobo B. P. Micropolítica escolar e estratégias para o desenvolvimento do protagonismo juvenil. Cadernos de Pesquisa, São Paulo, v. 36, n. 127, jan./abr. 2006

ZUCCHI, Eliana Miura. et al. Estigma e discriminação vividos na escola por crianças e jovens órfãos por Aids. Educação e Pesquisa, São Paulo, v.36, n.3, p. 719-734, set./dez. 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2317-2010

Indexadores:


Portal de Periódicos da UFC

Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - SEER

Sistema Regional de Información en Linea para Revistas Cientificas de America Latina, Caribe, España y Portugal - LATINDEX

CNEN Revista de Livre Acesso - LivRe

Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades - CLASE

Elektronische Zeitschriftenbibliothek - EZ3

Information Matrix for the Analysis of Journals - MIAR

European Reference Index for the Humanities and Social Sciences - ERIHPLUS

Academic Resource Index – Research Bible

Sumários de Revistas Brasileiras – Sumários.org

Academic Keys Humanities - Professional and Technical Journals

OAJI.net – Open Academic Journals Index

Beluga

WorldCat OCLC

SIS – Scientific Indexing Services

InfoBase Index

Portal de Periódicos CAPES

Biblat - Bibliografía Latinoamericana

Diadorim