CATEGORIA DA TOTALIDADE EM HISTÓRIA E CONSCIÊNCIA DE CLASSE DE GYÖRGY LUKÁCS: UMA APROXIMAÇÃO ÀS QUESTÕES DE MÉTODO NO MARXISMO

Antonio Marcondes dos Santos Pereira, Karla Raphaella Costa Pereira, Frederico Jorge Ferreira Costa, Eduardo Ferreira Chagas

Resumo


O presente artigo é resultado parcial de pesquisa em educação e expõe uma aproximação à categoria de totalidade na obra História e consciência de classe do filósofo húngaro György Lukács. Apesar de criticada pelo próprio autor, a obra já aponta para um problema central do método dialético: a categoria da totalidade. Como estudo parcial de uma pesquisa maior, este texto não visa esgotar a categoria, mas indicar linhas para compreensão dessa na trajetória do autor. Metodologicamente, é uma pesquisa bibliográfica categorial. Além disso, encaminha alusões críticas com base no arcabouço marxiano, assumido nas últimas obras de Lukács com entendimento mais coadunado ao legado de Marx. Na primeira parte do texto, situa-se a obra História e consciência de classe na trajetória de seu autor, dando ênfase às críticas por ele realizadas em prefácio de 1967, objetivando indicar o lugar desse trabalho de 1923 no legado de Lukács. Por último, expõem-se efetivamente algumas considerações decorrentes da leitura da obra em questão, rastreando a concepção de totalidade apresentada nela, bem como a relação estabelecida com o método dialético na compreensão última de Lukács. Esta parte constitui um todo articulado, por isso se justifica sua publicação, apesar de ser momento de uma totalidade maior com o qual se articula. É importante para a pesquisa de que faz parte por sistematizar estudos voltados para a apropriação imanente de uma categoria em determinada obra. Assim, foi um movimento dialético quanto à forma, pois engendrou uma relação entre o todo e a parte da pesquisa, e quanto ao conteúdo, já que visa a interpretação do método. A relevância social deste trabalho se ancora na necessidade de aclarar o desenvolvimento da categoria totalidade para o filósofo húngaro e, assim, para a efetivação do método dialético, além de outras categorias que fundamentam o marxismo.

Palavras-chave


Totalidade; Método Dialético; História e Consciência de Classe

Texto completo:

PDF

Referências


FREDERICO, Celso A arte no mundo dos homens: o itinerário de Lukács. São Paulo: Expressão Popular, 2013.

LUKÁCS, História e consciência de classe: estudos sobre a dialética marxista. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

MARX, Karl. Grundrisse: manuscritos econômicos de 1857-1858. São Paulo: Boitempo, 2011.

__________. Contribuição à crítica da economia política. São Paulo: Expressão Popular, 2008.

____________. Miséria da filosofia. São Paulo: Ed. Martin Claret, 2007.

____________. O Capital: crítica da economia política: Livro I: o processo de produção do capital. São Paulo: Boitempo, 2013.

NETTO, José Paulo. Lukács: tempo e modo. IN:______. Georg Lukács: sociologia. Editora Ática, 1992. P. 25-56.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2317-2010

Indexadores:


Portal de Periódicos da UFC

Sistema Eletrônico de Editoração de Revistas - SEER

Sistema Regional de Información en Linea para Revistas Cientificas de America Latina, Caribe, España y Portugal - LATINDEX

CNEN Revista de Livre Acesso - LivRe

Citas Latinoamericanas en Ciencias Sociales y Humanidades - CLASE

Elektronische Zeitschriftenbibliothek - EZ3

Information Matrix for the Analysis of Journals - MIAR

European Reference Index for the Humanities and Social Sciences - ERIHPLUS

Academic Resource Index – Research Bible

Sumários de Revistas Brasileiras – Sumários.org

Academic Keys Humanities - Professional and Technical Journals

OAJI.net – Open Academic Journals Index

Beluga

WorldCat OCLC

SIS – Scientific Indexing Services

InfoBase Index

Portal de Periódicos CAPES

Biblat - Bibliografía Latinoamericana

Diadorim