POESIAS: AS RASURAS DA MODERNIDADE NA POÉTICA DE MANOEL DE BARROS

Paulo Benites

Resumo


Este artigo tem como objetivo propor uma leitura de alguns poemas da obra Poesias, de 1956, de Manoel de Barros. Esta obra, terceira publicada por Manoel de Barros, ao lado das duas primeiras, marca a fase inicial de Manoel de Barros. Ademais, em 1951, na antologia Panorama da nova poesia brasileira, organizada por Fernando Ferreira de Loanda, há a presença de onze poemas de Manoel de Barros, seis deles jamais publicados em outros livros, os outros, incluídos na obra de 1956. Insistimos na leitura das obras iniciais de Manoel de Barros por perceber que, mesmo sob a influências de outras correntes estéticas, o poeta já demonstra marcas de um projeto estético singular, que aparecerão como imagens importantes na poética de Manoel de Barros ao longo de consagradas pela crítica. Além disso, são os restos que garantem a presença e o diálogo de Manoel de Barros com a Modernidade.

 


Texto completo:

PDF

Referências


BARROS, Manoel de. Gramática expositiva do chão: Poesia quase toda. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1990. P. 305-343.

______. Conversas por escrito. In: ______. Gramática expositiva do chão: Poesia quase toda. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 1990. P. 305-343.

BAUDELAIRE, Charles. O pintor da vida moderna. In: BAUDELAIRE, Charles; et. al. Fundadores da modernidade. Trad. Philippe Willemart. São Paulo: Ática, 1991. p. 102-119.

BENJAMIN, Walter. Passagens. Trad. Irene Aron e Cleonice Paes Barreto Mourão. Belo Horizonte: Editora UFMG, 2009.

BENJAMIN, Walter. O narrador: considerações sobre a obra de Nikolai Leskov. In: BENJAMIN, Walter. Obras Escolhidas I. Trad. Sérgio Paulo Ruanet. 8. ed. Revista. São Paulo: Brasiliense, 2012. p. 213-240.

BENJAMIN, Walter. Das Passagen-Werk. Ed. por Rolf Tiedemann. Frankfurt/ M.: Suhrkamp, 1983.

BERARDINELLI, Alfonso. Da prosa à poesia. Trad. Maurício Santana Dias. São Paulo: Cosac Naify, 2007.

JUNQUEIRA, Ivan. Anos 30. In: JUNQUEIRA, Ivan. Roteiro da poesia brasileira: anos 30. São Paulo, Global, 2008.

LOANDA, Fernando Ferreira de. Panorama da nova poesia brasileira. Rio de Janeiro: Orfeu, 1951.

MELO NETO, João Cabral de. A geração de 45. In: MELO NETO, João Cabral de. Obra Completa. Rio de Janeiro: Nova Aguilar, 1994.

MULLER, Adalberto (org.). Manoel de Barros: encontros. Rio de Janeiro: Azougue, 2010.

SANCHES NETO, Miguel. Achados do chão. Ponta Grossa: UEPG, 1997.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Entrelaces - Revista do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFC

ISSN: 1980-4571

Qualis B2