PERCEPÇÃO MATERNA ACERCA DA PUERICULTURA REALIZADA PELO ENFERMEIRO

  • Meyssa Quezado de Figueiredo Cavalcante Casadevall Universidade Federal do Ceará
  • Alinne Maria Araújo Amaral Sociedade Beneficente Alemã
Palavras-chave: Saúde da Criança., Puericultura, . Atenção Primária à Saúde

Resumo

Este trabalho tem como objetivo identificar a percepção das mães acerca da puericultura realizada pelos Enfermeiros na atenção primária em saúde. Trata-se de um estudo descritivo, de abordagem qualitativa, realizada com 10 mães cadastradas em uma Unidade Básica de Saúde, localizado no Município de Reriutaba, Ceará.  A coleta de dados ocorreu no mês de novembro de 2016, por meio de um questionário semiestruturado. Os dados foram analisados e organizados em categorias temáticas. A pesquisa seguiu os aspectos éticos envolvendo seres humanos de acordo com a declaração de Helsinque. Os entrevistados julgaram importante levar o filho para a consulta de puericultura, aumentando, assim, a capacidade de compreensão das orientações repassadas pelo Enfermeiro. Percebeu-se, também, que o grau de escolaridade esteve relacionado diretamente na implicação da aceitação destas orientações.  O estudo evidenciou que as mulheres compreenderam a importância e satisfação em levar os filhos para o atendimento de puericultura. Ressalta-se, também, o estabelecimento de vínculo e confiança entre as mulheres e o profissional de Enfermagem.

 

Biografia do Autor

Alinne Maria Araújo Amaral, Sociedade Beneficente Alemã

Graduada em Enfermagem pelo Centro Universitário Unifanor Fortaleza. Residente em Saúde da Família e Comunidade pela residência integrada em Saúde da Escola de Saúde Pública do Ceará (RIS/ESP). Enfermeira assistencial em instituição de longa permanência para idoso- Sociedade Beneficente Alemã- São Paulo, Capital.

Publicado
2021-03-12