Hannah Arendt y la crisis de nuestro tiempo

  • Beatriz Porcel

Resumo

A noção de crise ocupa um lugar central na obra de Hannah Arendt. Esta palavra remete imediatamente a um repetido diagnóstico da crise da época moderna e da cena contemporânea, diagnóstico conjugado com o também recorrente análise da “crise do juízo” como dato relevante do evento totalitário. Por outro lado, a palavra crise está presente no título de vários artigos e textos. A diversidade de ocasiões e de circunstâncias textuais nas quais a qualificação de crise aparece na obra arendtiana, leva a nos perguntar sobre os sentidos que o termo adquire, os diversos níveis de análise, o valor heurístico que oferece para avaliar os seus efeitos sobre a modernidade e sobre todos os aspectos da atividade humana.

 

Palavras-chave: Arendt; crise; política; modernidade.

Publicado
2013-01-01
Edição
Seção
Dossiê Hannah Arendt