Parentalidades adotante e biológica: dois lados do vínculo familiar

Susana Kramer Mesquita Oliveira, Raissa Ruana Matias de Lima, Cíntia Viana Ramos

Resumo


Trata-se de um projeto continuado, na disciplina de Práticas Integrativas II (Psicologia), em parceria com uma instituição-abrigo. A análise dos casos, a metodologia das ações e as discussões teóricas se aportam na abordagem sociodramática, enfatizando o exercício da criatividade e da espontaneidade como modo de ampliação dos vínculos e transformação das relações, e a dramatização como exercício de protagonismo. O artigo evidencia a vivência de um grupo de pais biológicos e adotantes, com forte repercussão para os participantes, em que uma das protagonistas desejava reaver a guarda de seu neto já adotado por outra família. Participam um casal finalizando o processo de adoção de seu primeiro filho e uma senhora que desejava reaver a guarda de suas netas que ainda estavam na instituição. Algumas importantes reflexões foram realizadas, em que tanto a representante da família biológica, como os pais adotivos ressignificaram seus pontos de vista a respeito da adoção.

Palavras-chave


Adoção; Parentalidade; Psicodrama.

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


 

      

        

CNENlogo_livre2.png      ResearchBib      

    

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.