Metodologias de ensino-aprendizagem sob a perspectiva de discentes de enfermagem

Palavras-chave: Docentes; Enfermagem; Metodologia; Pesquisa em Avaliação de Enfermagem.

Resumo

Objetivo: avaliar as metodologias de ensino-aprendizagem adotadas por docentes de um curso de Enfermagem, sob a perspectiva discente. Métodos: pesquisa com métodos mistos do tipo convergente. Recorte de projeto amplo de avaliação de programa, com uso do modelo Contexto, Insumos, Processo e Produto. Dados quantitativos (estudo transversal com dados secundários) e qualitativos coletados concomitantes e, posteriormente, triangulados. Resultados: sobre as metodologias de ensino adotadas por docentes, os discentes participantes referiram maior utilização de aulas expositivas e dialogadas, 161 (67,6%), entre professores das disciplinas básicas; e de aulas expositivas e não dialogadas, 226 (92,6%), por docentes de disciplinas específicas da enfermagem. Em todas as disciplinas, predominaram metodologias tradicionais de ensino e avaliação. Conclusão: os discentes participantes consideraram as metodologias predominantemente tradicionais e desejaram vivenciar métodos ativos, destacando a necessidade da interdisciplinaridade e maior integração ensino-serviço-comunidade.

Referências

Oliveira MCM. A formação do profissional enfermeiro, no contexto das reformas de ensino, no Brasil. Grifos. 2014; 23(36/37):135-42. doi: http://dx.doi.org/10.22295/grifos.v23i36/37.2784

Melo CSB, Miranda R, Cirino SD, Campos RHF. A Psicologia na formação de enfermeiros. Estud Pesqui Psicol [Internet]. 2014 [citado 2018 mar. 27]; 14(1):337-54. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-42812014000100019

Paim AS, Iappe NT, Rocha DLB. Metodologias de ensino utilizadas por docentes do curso de enfermagem: enfoque na metodologia problematizadora. Enferm Glob [Internet]. 2015 [citado 2018 mar. 24]; 14(37):153-69. Disponível em: http://scielo.isciii.es/pdf/eg/v14n37/docencia2.pdf

Machado MH, Wermelinger M, Vieira M, Oliveira E, Lemos W, Aguiar Filho W, et al. Aspectos gerais da formação da enfermagem: o perfil da formação dos enfermeiros, técnicos e auxiliares. Enferm Foco. 2016; 7(esp):15-34. doi: https://doi.org/10.21675/2357-707X.2016.v7.nESP.687

Ministério da Educação (BR). Conselho Nacional de Educação, Câmara de Educação Superior. Resolução CNE/CES nº 3 de 7 de novembro de 2001: Diretrizes Curriculares Nacionais do Curso de Graduação em Enfermagem. Brasília: Ministério da Educação; 2001.

Simon E, Jezine E, Vasconcelos EM, Ribeiro KSQS. Metodologias ativas de ensino-aprendizagem e educação popular: encontros e desencontros no contexto da formação dos profissionais de saúde. Interface. 2014; 18(2):1355-64. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1807-57622013.0477

Amestoy SC, Backes VMS, Thofehrn MB, Martini JG, Meirelles BHS, Trindade LL. Nurses’ perception of the teaching-learning process of leadership. Texto Contexto Enferm. 2013; 22(2):468-75. doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072013000200024

Creswell, JW, Clark VLP. Pesquisa de métodos mistos. Porto Alegre: Penso; 2013.

Santos JLG, Erdmann AL, Meirelles BHS, Lanzoni GMM, Cunha VP, Ross R. Integrating quantitative and qualitative data in mixed methods research. Texto Contexto Enferm. 2017; 6(2):e1590016. doi:http://dx.doi.org/10.1590/0104-07072017001590016

Bollela VR, Castro M. Avaliação de programas educacionais nas profissões da saúde: conceitos básicos. Medicina (Ribeirão Preto). 2014; 47(3):332-42. doi: http://dx.doi.org/10.11606/issn.2176-7262.v47i3p333-342

Canever BP, Prado ML, Gomes DC, Jesus BH, Backes VMS. Naive world awareness in the pedagogical practice of healthcare professors. Texto Contexto Enferm. 2017; 26(2):e3340015. doi: http://dx.doi.org/10.1590/0104-07072017003340015

Salbego C, Oliveira EMD, Silva MAR, Buganca PR. Percepções acadêmicas sobre o ensino e a aprendizagem em anatomia humana. Rev Bras Educ Med. 2015; 39(1):23-31. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1981-52712015v39n1e00732014

Silva IR, Leite JL, Trevizan MA, Mendes IAC, Silva TP, Lins SMSB. Learning through research: from teaching science to the sphere of nursing care. Esc Anna Nery. 2017; 21(4):e20160329. doi: http://dx.doi.org/10.1590/2177-9465-ean-2016-0329

Freitas FDS, Ferreira MA. Humanization knowledge of undergraduate nursing students. Rev Bras Enferm. 2016; 69(2):282-9. doi: http://dx.doi.org/10.1590/0034-7167.2016690211i

Silveira MS, Cogo ALP. The contributions of digital technologies in the teaching of nursing skills: an integrative review. Rev Gaúcha Enferm. 2017; 24(2):e66204. doi: http://dx.doi.org/10.1590/1983-1447.2017.02.66204

Oliveira LB, Díaz LJR, Carbogim FC, Rodrigues ARB, Püschel VAA. Effectiveness of teaching strategies on the development of critical thinking in undergraduate nursing students: a meta-analysis. Rev Esc Enferm USP. 2016; 50(2):355-364. doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0080-623420160000200023

Publicado
2018-08-14
Seção
Artigos de Pesquisa