Entrelaces

Entrelaces é a revista do Programa de Pós-Graduação em Letras - PPGLetras, da Universidade Federal do Ceará. No intuito de fomentar e promover o debate crítico em torno dos estudos literários e dos campos disciplinares com que dialoga, semestralmente, em suas edições; são publicados artigos, ensaios, resenhas e traduções de doutores, mestres e alunos de pós-graduação em espanhol, italiano, inglês e português.

O periódico está organizado em duas seções permanentes, Dossiê e Estudos Literários, e outras três, Resenhas, Tradução e Criação, que são apresentadas em edições alternadas, conforme adequação da submissão à edição a que se destina.

A seção DOSSIÊ recebe textos que estão de acordo com a temática específica do o dossiê de cada edição,  a ser informada em chamadas divulgadas pela Revista.

A seção ESTUDOS LITERÁRIOS acolhe produções acadêmicas de temática livre, em fluxo contínuo, da área de Letras-Literatura. Esses textos podem ser publicados na edição da chamada em aberto no período da submissão ou na edição posterior, conforme decisão do Conselho Editorial da Revista, não sendo ultrapassado o período de um ano após a submissão.

A seção RESENHAS publica resenhas descritivas ou críticas de publicações acadêmicas e literárias da área de Letras-Literatura. Esses textos podem ser publicados na edição da chamada em aberto no período da submissão ou na edição posterior, conforme decisão do Conselho Editorial da Revista, não sendo ultrapassado o período de um ano após a submissão.

A seção TRADUÇÃO publica traduções originais e inéditas de obras literárias ou textos críticos relevantes para a área de Letras.

A seção CRIAÇÃO abre espaço para textos curtos, em prosa ou em verso, selecionados pela Revista. Esses textos podem ser publicados na edição da chamada em aberto no período da submissão ou em edições posteriores, conforme decisão do Conselho Editorial da Revista.


Imagem para capa da revista

Notícias

 

Prorrogação do prazo de Submissão de textos para o Dossiê (Des)Dobras Barrocas: Conexões Transatlânticas entre Artes e Culturas

 

A Entrelaces informa que o prazo de submissão de artigos para o Dossiê Des)Dobras Barrocas: Conexões Transatlânticas entre Artes e Culturas foi prorrogado para até o dia 15 de novembro de 2017.

 
Publicado: 2017-11-03 Mais...
 

Call For Papers - Dossiê “(Des)Dobras Barrocas: Conexões Transatlânticas entre Artes e Culturas” Jan.-Jun (2018)

 

The journal Entrelaces invites the academic community to submit proposals to the call for papers to the edition January-June (2018), which will accept submissions, addressing the thematic issue on Baroque (Un)folds: Transatlantic Connections between Arts and Cultures.

----------

A Entrelaces convida a comunidade acadêmica a participar da Chamada de Publicação para a Edição Jan-Jun (2018), que aceitará submissões de artigos que contemplem a temática (Des)Dobras Barrocas: Conexões Transatlânticas entre Artes e Culturas.

----------

Entrelaces invita a la comunidad académica a participar de la llamada de publicación para la edición en Jan-Jun (2018), que aceptará sumisiones de artículos que contemplen la temática (Des) Dobras Barrocas: Conexiones Transatlánticas entre Artes y Culturas.

 
Publicado: 2017-08-05 Mais...
 

CONVITE A ARTISTAS INTERESSADOS/AS EM ILUSTRAR A CAPA DA PRÓXIMA EDIÇÃO DA REVISTA ENTRELACES

 

Entrelaces convida artistas interessados/as em ilustrar, no âmbito do dossiê temático de cada número, a capa das edições da Revista. Prezamos pela diversidade de expressões, meios e técnicas (pintura, fotografia, desenho, colagem etc.). 

 
Publicado: 2017-03-17 Mais...
 

CHAMADA DE SUBMISSÃO PARA EDIÇÃO JAN-JUN (2017) – “DOSSIÊ VIDAS ÍNTIMAS: POÉTICAS DO EU”

 

A Entrelaces convida a comunidade acadêmica a participar da Chamada de Publicação para Edição Jan-Jun (2017) que aceitará submissões de artigos que contemplem a temática Vidas íntimas: poéticas do Eu.

 
Publicado: 2017-01-02 Mais...
 

Qualis 2015

 
A Entrelaces agora é Qualis B2  
Publicado: 2016-12-22 Mais...
 
Outras notícias...

v. 2, n. 9 (2017): Dossiê "Vidas íntimas: poéticas do Eu"


Capa da revista

Escrever um texto é expressar algo ao mesmo tempo em que fala de si, sem escancarar, deixando transparecer. Das questões opinativas do colégio, passando pelas redações e chegando às redes sociais, em algum grau estamos a nos revelar um pouco quando escrevemos. Pensar a criação dessa capa, intitulada Janela de Si, envolveu várias pessoas, ideias e inquietações e traz como ideia principal pensar a escrita de si como abertura para o mundo.

Quando escrevo um texto, mostro mais sobre quem sou e dou abertura aos possíveis encontros com vários eus. Sem restringir, que suportes podem trazer à tona essa potência autobiográfica de forma mais evidente? De lado, real e palpável, temos o diário. Um pequeno caderno onde são feitas anotações sobre o dia-a-dia, coisa íntima. Fragmentos de papel indicam vários momentos escritos por alguém, compondo a paisagem com uma espécie de bricolagem de palavras recortadas, que ora trazem palavras relacionadas ao tema da publicação, ora trazem indagações pessoais.

Do outro lado, virtual e sem fim, temos as redes sociais. Espaços virtuais compostos por pessoas e instituições que interagem e criam ali. No centro das narrativas recortadas, uma questão que todos os dias nos é lançada ao navegarmos em determinada rede social para saber de nossos próximos: no que você está pensando? Escrever agora não se basta no papel. É possível falar de si e ser recompensado por isso instantaneamente, tendo como estímulo as reações inúmeras de acordo com o conteúdo. 

Abrir-se para o mundo como quem abre uma janela e olhar aquilo que ela oferece para que os olhos leiam, tendo o céu como uma dentre várias possibilidades de vista, embora ele só já seja infinito por si. 

 

Rodrigo Lopes