LITERATURA ÍNTIMA: QUE MISTÉRIOS TÊM O DIÁRIO DE ALICE?

Marta Roque Branco, Paulo Bungart Neto

Resumo


O artigo tem como corpus de análise dois textos, com características de diário, produzidos por Alice Vaz de Melo, uma escritora do interior de Mato Grosso do Sul, datados, respectivamente, de abril e agosto de 1962, e publicados na seção “Umas e outras” do jornal O grito, editado na cidade de Ivinhema-MS. O objetivo é o de compreender os escritos de Alice a partir dos pontos de vista defendidos por Philippe Lejeune ao teorizar, em seu Pacto autobiográfico, sobre o subgênero “diário” como importante tendência da literatura confessional. Também faz parte da discussão o espaço que a literatura íntima, até pouco tempo vista como um “gênero menor”, ocupa nos estudos literários contemporâneos, fato que se deve, em muito, aos pioneiros estudos de Philippe Lejeune e, posteriormente, a outros que seguiram o caminho aberto pelo pensador francês. O artigo também trabalha com conceitos teóricos de Leonor Arfuch (2010) e Eliane Zagury (1982).


Texto completo:

PDF

Referências


ARFUCH, L. O espaço biográfico: dilemas da subjetividade contemporânea. Rio de Janeiro-RJ: EdUERJ, 2010. Trad. Paloma Vidal.

BUNGART NETO, P. O reconhecimento tardio da autobiografia como gênero legítimo: Philippe Lejeune e seu “exército de um homem só”. In: ________; PINHEIRO, A. S. (Orgs.). Estudos culturais e contemporaneidade: literatura, história e memória. Dourados-MS: Editora UFGD, 2012, p. 161-180.

CAETANO VELOSO E CAPINAM. Clarice. In: Caetano Veloso. Rio de Janeiro: Philips Records, 1968. 1 disco sonoro (faixa 2).

FRANK, A. O diário de Anne Frank. 61 ed. Rio de Janeiro-RJ: Record, 2016. Trad. Alves Calado. Edição definitiva: Otto Frank e Mirjam Pressler.

HALBWACHS, M. A memória coletiva. São Paulo: Centauro Editora, 2006. Trad. Beatriz Sidou.

LEJEUNE, P. O pacto autobiográfico: De Rousseau à Internet. Belo Horizonte-MG: Editora UFMG, 2008. Org. Jovita Maria Gerheim Noronha. Trad. Maria Inês Coimbra Guedes e Jovita Maria Gerheim Noronha.

MELO, A. V. de. Decisão. Ivinhema-MS: s.e., 1962.

MELO, A. V. de. Em busca da mais gelada. Ivinhema-MS: s.e., 1962.

PROUST, M. Em busca do tempo perdido. Porto Alegre-RS: Editora Globo, 7 vls, 1948-1955. Trad. Mario Quintana, Carlos Drummond de Andrade, Manuel Bandeira, Lúcia Miguel Pereira e Lourdes Sousa de Alencar.

WOOLF, V. Um teto todo seu. São Paulo-SP: Círculo do Livro, 1994. Trad. Vera Ribeiro.

ZAGURY, E. A escrita do eu. Rio de Janeiro-RJ: Civilização Brasileira, 1982.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Entrelaces - Revista do Programa de Pós-Graduação em Letras da UFC

ISSN: 1980-4571

Qualis B2