O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista.
  • Todo o texto está formatado em Times New Roman, fonte 12, espaço 1,5cm entrelinhas e espaçamento de 0 pt antes de depois. As quatro margens de 2,5 cm, papel A4 e parágrafos 1cm. As páginas estão numeradas desde o resumo até as referências. Figuras e tabelas estão no texto. O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word.
  • O resumo está apresentado somente no idioma de submissão, em Times New Roman, fonte 12 e espaço 1,5cm. Não ultrapassa o limite de 150 palavras. Os descritores estão abaixo do resumo, nos dois idiomas português/inglês com a denominação de Descritores e Descriptors. Limitados de 3 a 6, separados por ponto e vírgula e com as iniciais maiúsculas, exceto para preposições, em conformidade com os DeCS.
  • texto não apresenta siglas, priorizando a descrição destas, exceto para aquelas reconhecidas internacionalmente. Ademais, segue os padrões de estilo e requisitos de formatação descritos em Diretrizes para Autores.
  • O título, no idioma de submissão, apresenta no máximo 14 palavras, grafado em negrito, em caixa baixa, isto é, somente com a inicial maiúscula, e em nomes próprios, sem localização geográfica.
  • Os títulos das seções do artigo encontram-se grafados em caixa baixa, somente com inicial maiúscula, e em negrito:Introdução, Métodos, Resultados, Discussão, Conclusão, Agradecimentos (opcional), Colaborações e Referências.
  • O artigo se apresenta dentro do limite de páginas e de referências preconizado para cada seção da Revista.
  • Não contém nomes de autores no texto, estes foram substituídos por sua codificação numérica, sobrescrito, com parênteses e sem espaço entre a última palavra e o parêntese. Não utilizando expressões como: Segundo..., De acordo etc.
  • As referências seguem o estilo Vancouver, conforme modelos expostos nas Diretrizes de publicação.
  • As declarações encontram-se em conformidade com os modelos disponíveis nas Diretrizes para Autores, assinadas por todos os autores. Estas foram impressas, assinadas, escaneadas e incluídas em Documento Suplementar.Documentos com assinaturas coladas não serão aceitos.
  • No caso de Artigos de Pesquisa, se encaminha o documento de aprovação do Comitê de Ética e Pesquisa sob a forma de documento digitalizado, anexado como arquivo suplementar.
  • Envio do Checklist preenchido como Documento Suplementar.
  • Envio do comprovante de pagamento referente à taxa de submissão, no valor de R$ 200,00, como documento suplementar. Este valor também pode ser pago diretamente na Secretaria da Revista. CNPJ: 01921606/0001-22
  • Adesão aos custos de tradução do artigo para língua inglesa após aprovação.

Diretrizes para Autores

 

A Rev Rene recebe artigos nos idiomas português, inglês e espanhol, publicando nestes idiomas. Em relação aos artigos submetidos em inglês e espanhol, neste caso, será solicitada a tradução para a língua portuguesa da versão final aprovada. 

Este periódico segue o Code of Conduct and Best Practice Guidelines for Journal Editors (COPE) (http://publicationethics.org/). A revista adota a normalização dos “Requisitos Uniformes para manuscritos apresentados a periódicos biomédicos” (Estilo Vancouver) (http://www.icmje.org/recommendations/).

Os preceitos éticos da pesquisa que envolvem seres humanos ou de experimentação animal deverão ser respeitados. A publicação de artigos que trazem resultados de pesquisas envolvendo seres humanos está condicionada ao cumprimento dos princípios éticos contidos na Declaração de Helsinki (1964, reformulada em 1975, 1983, 1989, 1996, 2000 e 2008), da Associação Médica Mundial. Deverá ser observado o atendimento à legislação específicas do país que a pesquisa foi realizada. Referência a esse aspecto deverá constar no último parágrafo da seção Métodos do trabalho. Inserir o número do protocolo de aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa. Cópia do documento de aprovação por um comitê de ética de pesquisa deverá ser anexada.

Todos os artigos devem ser encaminhados a revista com a cópia de aprovação por um Comitê de Ética em Pesquisa em casos de pesquisas com seres humanos (exceto dados de domínio público), segundo as normas da Resolução 466/2012, do Conselho Nacional de Saúde ou órgão equivalente no país de origem da pesquisa. Os estudos tipo ensaio clínico deve ter o número do Registro de Aprovação de Ensaios Clínicos (http://www.ensaiosclinicos.gov.br) o qual deve ser enviado a revista. Em casos de pesquisas envolvendo animais, a aprovação da Comissão de Ética no Uso de Animais deve ser encaminhada.

Coleta de dados: máximo 5 anos.

Originalidade

Submissões à este periódico devem ser originais e inéditas, e não devem estar sendo avaliadas para publicação por outra revista.

Tempo médio entre o recebimento e a publicação: três meses

Plágio

Plágio acadêmico/ Code of Conduc and Best Practice Guidelines for Journal Editors Committee on Publication Ethics (COPE)/ Responsabilidade dos autores. Copiar um estudo ou parte dele, de outro autor ou mesmo de publicação própria, constitui-se em fraude inaceitável e desonestidade. Não usem ideias e palavras de outros(s), sem reconhecer a fonte da informação. Confira mais detalhes sobre este assunto em http://www.dsce.fee.unicamp.br/~antenor/Plagio.pdf. A Revista  utiliza o software iThenticate para localização de textos similares e identificação de plágio e autoplágio (http://www.ithenticate.com/)

Autoria

O conceito de autoria está baseado na contribuição substancial de cada uma das pessoas listadas como autores. Os critérios de autoria devem basear-se nas deliberações do International Committee of Medical Journal Editors (http://www.icmje.org), que determina o seguinte: o reconhecimento da autoria deve estar baseado em contribuição substancial relacionada aos seguintes aspectos: 1. Concepção e projeto ou análise e interpretação dos dados; 2. Redação do artigo ou revisão crítica relevante do conteúdo intelectual; 3. Aprovação final da versão a ser publicada. Essas três condições devem ser integralmente atendidas. Todos aqueles designados como autores devem atender aos critérios de autoria. O número máximo de autores são seis. Não se justifica a inclusão de nome cuja contribuição não se enquadre nos critérios acima. Pessoas que tiveram participação técnica ou de apoio geral podem ser citadas na seção de Agradecimentos. Todos os autores devem informar o seu número de registro ORCID (http://orcid.org).

Conflito de Interesse

Todos os autores e avaliadores devem revelar qualquer tipo de conflito de interesse existente durante o desenvolvimento do estudo.

Preparação do manuscrito para submissão

Formatação

Os trabalhos deverão ser apresentados em formato Word for Windows, para impressão em papel A4, em espaço 1,5, margem de 2,5 cm cada um dos lados, letra 12, Times New Roman, parágrafos alinhados a 1cm.

Página de Título

Título do artigo: sintético e objetivo, apresentado somente no idioma de submissão, em negrito; com no máximo 14 palavras, em caixa baixa, inicial maiúscula para primeira palavra e/ou nomes próprios, centralizado, letra 12, Times New Roman. Evitar utilizar: localização geográfica da pesquisa, abreviações e identificação do tipo de estudo.

Autores: a indicação dos nomes dos autores logo abaixo do título do artigo é limitada a seis e devem apresentar-se na sequência do texto, em tamanho 12, iniciais maiúsculas, separados por vírgula, com números sobrescritos.
Ex.: Ana Fátima Carvalho Fernandes1, Thereza Maria Magalhães Moreira2

Informar o número de registro do ORCID de todos os autores na Página de título e no sistema.

Notas dos autores: indicação de instituição a que estão vinculados, cidade, estado e país. Seguidamente, informar nome e endereço completo com CEP do autor correspondente.
As afiliações dos autores, bem como seus endereços eletrônicos devem ser expressas em Metadados da Submissão.
Ex.: 1Universidade Federal do Ceará. Fortaleza, CE, Brasil.
Autor correspondente: Autor
Endereço completo: informar CEP e e-mail

Manuscrito extraído de dissertação ou tese: indicar por asterisco, em nota de rodapé o título, o ano e a instituição.

Agradecimentos: item opcional. Podem ser incluídas pessoas envolvidas que não se configuram como autores ou instituições. No caso de apoio financeiro de instituição, informar número de processo.

Colaborações: item obrigatório. Informar em relação aos seguintes aspectos: 1. Concepção e projeto ou análise e interpretação dos dados; 2. Redação do artigo ou revisão crítica relevante do conteúdo intelectual; 3. Aprovação final da versão a ser publicada. Essas três condições devem ser integralmente atendidas.

Documento Principal

Deve conter o título, o resumo com descritores e o corpo do manuscrito (não coloque qualquer identificação dos autores).

Título do artigo: sintético e objetivo, apresentado somente no idioma de submissão, em negrito; com no máximo 14 palavras, em caixa baixa.

Resumo: deve ser estruturado, sem siglas, somente no idioma de submissão, contendo no máximo 150 palavras, objetivos, métodos (sem período e local do estudo), principais resultados e conclusões, fornecendo visão clara e concisa do conteúdo. Deve ser redigido em espaço 1,5cm, letra 12, Times New Roman, na mesma sequência do título.

Descritores: em português e inglês, separados por ponto e vírgula e com iniciais maiúsculas, exceto para preposições; devem acompanhar o resumo, respeitando-se o número de três a cinco. Utilizar os descritores referidos nos “Descritores em Ciências da Saúde” - DECS/LILACS/BIREME disponível no endereço http://decs.bvs.br/ ou MESH/ “Medical Subject Headings” - elaborado pela National Library of Medicine. Nomenclatura dos descritores: Descritores e Descriptors, letra 12, em negrito.

Texto: Não utilizar siglas no texto, priorizar sua descrição, com exceção para aquelas reconhecidas internacionalmente. Deve ser obedecida a estrutura exigida para cada categoria de manuscrito.

Introdução - a finalidade da introdução é apresentar a fundamentação teórica sobre o objeto de estudo, ademais enunciar, com as devidas justificativas e explicações, a originalidade e validade, finalidade e aplicabilidade da contribuição ao conhecimento pretendida. Evite a citação de comunicações pessoais ou materiais inéditos. O objetivo deve ser colocado no último parágrafo da introdução e para cada objetivo deverá haver uma conclusão.

Métodos - descreve como a pesquisa foi realizada, a lógica do raciocínio do autor na ordenação dos procedimentos e das técnicas utilizadas para a obtenção dos resultados. O método estatístico e o critério matemático de significância dos dados também devem estar declarados. Estruture da seguinte forma, sem subitens: tipo de desenho de pesquisa, população (explicitando os critérios de seleção), cálculo do tamanho da amostra, instrumento de medida (com informações sobre validade e precisão), coleta (dos últimos cinco anos) e análise de dados. Nos casos de pesquisa envolvendo seres humanos inserir o número do protocolo de aprovação do Comitê de Ética em Pesquisa e do Certificado de Apresentação para Apreciação Ética (CAAE) e informar que a pesquisa foi conduzida de acordo com os padrões éticos exigidos.

Resultados - descrição do que foi obtido na pesquisa, sendo exclusivo do pesquisador, sem citações ou comentários ou interpretações pessoais (subjetivas).

Discussão – deve apresentar a apreciação crítica do autor, os novos e importantes aspectos do estudo e a explicação sobre o significado dos resultados obtidos e as suas limitações, relacionando-as com outros estudos. A linguagem obedece a estilo crítico e o verbo aparece no passado. A essência da discussão é a interpretação dos resultados obtidos e sua relação com o conhecimento existente, de forma a chegar-se a uma conclusão. Comece a discussão explicitando os limites dos resultados, lembrando que o limite é dado pelo método escolhido. No segundo parágrafo explicite a contribuição dos resultados deste estudo e sua aplicabilidade prática.

Conclusão: apresentar a escrita em frase clara, simples e direta, demonstrando o cumprimento do objetivo proposto. No caso de mais de um objetivo, deve haver uma conclusão para cada objetivo. Nenhum outro comentário deve ser incluído na conclusão. Nesta seção, não devem conter citações.

Referências: para Artigos de Pesquisa, máximo de 20 e mínimo de 15. Para Artigos de Revisão, máximo de 30.

Nota: Os trabalhos devem apresentar os resultados separados da discussão.

Citações de referências no texto: no texto, as citações devem ser numeradas, consecutivamente, em algarismos arábicos, entre parênteses, sobrescritos e sem menção do nome dos autores. Ex:(1). Quando se tratar de citação sequencial, separar os números por traço (ex: 1-6); quando intercalados, usar vírgula (ex: 2,6,10).

Citações no final do texto: seguir o Estilo Vancouver, disponíveis no endereço eletrônico https://www.nlm.nih.gov/bsd/uniform_requirements.html.  Os títulos de periódicos devem ser abreviados de acordo com List of Journals Indexed for MEDLINE http://www.nlm.gov/tsd/serials/lji.html). Para os periódicos que não se encontram neste site, poderão ser utilizadas as abreviaturas do Catálogo Coletivo Nacional de Publicações Seriadas (CCN), do IBICT, disponível em: http://ccn.ibict.br/busca.jsf e o Portal de Revistas Científicas em Ciências da Saúde da BVS, disponível em: http://portal.revistas.bvs.br. As referências são utilizadas para convencer o leitor acerca da validade dos fatos e argumentos apresentados. Quando adequadamente escolhidas, fornecem maior credibilidade ao trabalho. Observação: deve-se priorizar a citação de referências atualizadas, ou seja, publicadas nos últimos cinco anos, considerando o momento da submissão do manuscrito.

Literatura cinzenta: não incluir na lista referências que não possam ser recuperadas no original pelo leitor, como teses e dissertações, trabalhos de conclusão de curso e outras fontes inacessíveis (apostilas, anais etc.) ou obras de reduzida expressão científica. A atualidade da referência, isto é, a citação de obras recentes, com menos de cinco anos, é essencial em artigos originais.

Devem ser citadas de periódicos científicos indexados em bases de dados nacionais e internacionais que foram consultadas na íntegra pelo autor e que tenham relação direta, relevante com o assunto abordado.

Devem ser apresentadas sem negrito, itálico ou grifo.

Referências de artigos publicados em periódicos latino-americanos e que possuem versão em inglês, deverão ser citadas no idioma em inglês.

Na lista ao final:

Autores: citar até seis autores, separados por vírgula, entrando pelo sobrenome, com apenas a inicial maiúscula, seguido das iniciais de prenomes e de outros sobrenomes, sem ponto ou qualquer outro elemento de ligação entre eles. Ex: Vasconcelos FF e não Vasconcelos, F. de F. Para referências com mais de seis autores, listar os seis primeiros acompanhados de et al., separando-os por vírgula.

Páginas: suprimir dezenas ou centenas repetidas. Ex: usar de 43-8 e não 43-48. Colocação da página na citação, número do autor seguido de dois pontos e número da página. Ex: (1:15)

Notas: Transcrever no idioma da obra, dados como: “Disponível em”, “citado ano mês dia” [citado 2014 jan. 20]; Inglês: “Available from” e “cited ano mês dia” [cited 2014 Jan 20] etc.

Elementos integrantes

Falas: em estudos qualitativos, as falas devem ser apresentadas em itálico, sem colchetes e aspas, com ponto final após identificação do depoente, tamanho 10, e na sequência do parágrafo. Não utilizar itálico na identificação do depoente.

Tabelas: limitadas a três, no conjunto. Devem ter títulos concisos (informar local e ano do estduo), numeradas, consecutivamente, com algarismos arábicos, na ordem em que forem citadas no texto, não utilizar linhas internas verticais ou horizontais. As notas explicativas devem aparecer no rodapé das tabelas e não no título ou cabeçalho. Devem apresentar-se em preto e branco, sem sombreamento e dentro do próprio texto. Formatar com a ferramenta do Word “inserir tabela”, utilizar letra 12, fonte Times New Roman. Não ultrapassar uma página.

Figuras: são assim denominadas quadros, gráficos, desenhos e fotografias; devem ter sido desenhadas ou fotografadas por profissionais ou demonstrar excelente qualidade de impressão digital. Devem ser numeradas consecutivamente com algarismos arábicos na ordem em que forem citadas no texto. As ilustrações devem ser claras o suficiente para permitir sua reprodução. Não é permitido que o conteúdo dos gráficos seja o mesmo das tabelas. As legendas das figuras, os símbolos, os números e outros sinais necessitam ser identificados e descritos quanto ao seu significado. Caso os autores optem por utilizar ilustrações já publicadas, devem encaminhar permissão, por escrito, para sua reprodução. Devem apresentar-se em preto e branco. Os títulos devem ser apresentados abaixo das ilustrações.

Apoio financeiro: informar o nome das instituições públicas ou privadas que deram apoio financeiro. Deve constar na página de título e no sistema de submissão.

Abreviações e símbolos: não devem ser utilizadas, optar por descrevê-las, à exceção das reconhecidas internacionalmente.

Notas de rodapé: não devem ser utilizadas.

Exemplos de referências

1. Artigo padrão com DOI

Melo GM, Cardoso MVLML. Pain in preterm newborns submitted to music and 25% glucose intervention. Rev Rene. 2017; 18(1):3-10. doi: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.2017000100002

2. Sem indicação de autoria

Dyspnea and pain in the left lower limb in a 52-year-old male patient. Arq Bras Cardiol. 2000; 75(6):28-32. doi: http://dx.doi.org/10.1590/S0066-782X2000001200008

3. Com mais de seis autores

Teixeira CC, Boaventura RP, Souza ACS, Paranaguá TTB, Bezerra ALQ, Bachion MM, et al. Vital signs measurement: an indicator of safe care delivered to elderly patients. Texto Contexto Enferm. 2015; 24(4):1071-8. doi: http://dx.doi.org/10.1590/0104-0707201500003970014

4. Instituição como Autor

Diabetes Prevention Program Research Group. Achieving weight and activity goals among diabetes prevention program lifestyle participants. Hypertension. 2002; 40(5):679-86.doi: http://dx.doi.org/10.1038/oby.2004.179

5. Volume com suplemento

Andrade ACS, Peixoto SV, Friche AAL, Goston JL, César CC, Xavier CC, et al. Social context of neighborhood and socioeconomic status on leisure-time physical activity in a Brazilian urban center: The BH Health Study. Cad Saúde Pública. 2015; 31(Suppl 1):136-47. doi: http://dx.doi.org/10.1590/0102-311X00069514

6. Editoriais

Miranda FAN, Mendes FRP. Within the urgent and emergency settings: the suicidal ideation of nurses [editorial]. Rev Rene. 2018; 19:e3382. doi: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.2018193382

Livros

7. Indivíduo como autor

Herdman TH. NANDA International nursing diagnoses: definitions and classification, 2012-2014. Oxford: Wiley-Blackwell; 2012.

8. Organizador, Editor, Coordenador como autor

Nietsche EA, Teixeira E, Medeiros HP, organizadores. Tecnologias cuidativo-educacionais: uma possibilidade para o empoderamento do(a) enfermeiro(a). Porto Alegre: Moriá; 2014.

9. Capítulos de livro

Pagliuca LMF, Rebouças CBA, Sampaio AFA. Tecnologias educativas para pessoas com deficiência visual. In: Nietsche EA, Teixeira E, Medeiros HP, organizadores. Tecnologias cuidativo-educacionais: uma possibilidade para o empoderamento do(a) enfermeiro(a). Porto Alegre: Moriá; 2014. p. 181-96.

10. Artigo em formato eletrônico

Menezes FG, Abreu RM, Itria A. Cost-effectiveness analysis of paricalcitol versus calcitriol for the treatment of SHPT in dialytic patients from the SUS perspective. J Bras Nefrol [Internet]. 2016 [cited Dec 12, 2018];38(3):313-9. Available from: http://www.scielo.br/pdf/jbn/v38n3/0101-2800-jbn-38-03-0313.pdf

11. Documentos Legais

Ministério da Saúde (BR). Conselho Nacional de Saúde, Comissão Nacional de Ética em Pesquisa. Resolução nº 466 de 12 de dezembro de 2012: aprova as diretrizes e normas regulamentadoras de pesquisa envolvendo seres humanos. Brasília: Ministério da Saúde; 2012.

Envio dos manuscritos

As submissões dos artigos deverão, obrigatoriamente, ser por via eletrônica, de acordo com as instruções publicadas no site http://www.periodicos.ufc.br/rene/about/submissions

Endereço: Rua Alexandre Baraúna, 1115, Rodolfo Teófilo, Fortaleza, CE, Brasil. CEP: 60430-160

Tel.: + 55 85 3366-8453

E-mail: rene@ufc.br

Site: http://periodicos.ufc.br/rene

Como submeter

A submissão deve ser procedida exclusivamente via sistema (www.periodicos.ufc.br/rene). Seguir Tutorial OJS para submissão.

Documentos para submissão

As declarações requeridas no ato da submissão devem ser impressas, assinadas, escaneadas e incluídas em Documento Suplementar. Documentos com assinaturas coladas não serão aceitos. Em caso de aprovação do artigo, os direitos autorais a ele referentes se tornarão propriedade exclusiva da Rev Rene.

No ato da submissão dos manuscritos, deverão ser anexados no sistema on-line, em documentos suplementares, os documentos:

Cópia do documento de aprovação do Comitê de Ética, digitalizada em formato jpg ou pdf;

Declaração de conflito de interesse (todos os autores devem assinar este documento);

Declaração de responsabilidade e transferência de direitos autorais, assinada diretamente no documento, digitalizada em formato jpg ou pdf;

Declaração de não envolvimento com seres humanos. Somente quando a pesquisa não envolver seres humanos;

Comprovante de pagamento referente à taxa de submissão;

Checklist devidamente preenchido.

Checklist de Revisão Integrativa

Taxas para autores

Este periódico cobra as seguintes taxas aos autores.

Artigos com todos os autores de instituições de fora do Brasil são isentos das taxas.

Submissão de artigo: 200.00 (BRL)

Os autores deverão realizar pagamento da taxa de submissão de artigos, como contribuição para os custos de edição. 
Dados bancários:
ACEP/Rev Rene
Conta corrente: 14684-6
Ag.1702-7
Banco do Brasil
CNPJ: 01921606/0001-22 ACEP/Rev Rene

No processo de checagem inicial da documentação submetida, serão arquivados automaticamente manuscritos que não estiverem acompanhados da comprovação do pagamento da TAXA DE SUBMISSÃO. Finalizado o processo de avaliação, não se devolve a taxa de submissão para manuscrito arquivado e/ou recusado.

Publicação de artigo: 800.00 (BRL)
Caso este documento seja aceito para publicação, será necessário o pagamento de uma taxa de publicação de artigo para auxiliar nos custos de publicação.

Tradutores credenciados

Tradutores inglês

Academic Editing for Nurses

Telefone: +1 (920) 344-8670

E-mail: editor@academiceditingfornurses.com

Website: www.academiceditingfornurses.com

Aksent Assessoria Acadêmica

CNPJ: 11433123/0001-32

Sofie Tortelboom Aversari Martins

E-mail: aksentrad@gmail.com

Carmela Carvalho - Serviços de Revisão, Tradução e Normalização de textos

CNPJ: 22.557.767/0001-59
E-mail: carmela@carmelacarvalho.com

Telefones: (84) 99957-0018 (WhatsApp -TIM)/ 98847-9399 (TIM)

Christopher Quinn

English Consulting Brazil, cnpj. 15.156.534/0001-89

E-mail: englishconsultingbrazil@gmail.com ou quinneroma@hotmail.com

Letícia Silva Belasco – LSB Traduções

Fone: (11)96446-9775

E-mail: lsbtraducoes@gmail.com

LN Traduções - Profº Leandro Nascimento

E-mail: ln.traducoes@gmail.com

Fone: 85 996642273/ 85 986460525

Marcelo Coelho

E-mail: mccoelho1945@yahoo.com.br

Fone: 85 99608 4341 e 85 3067 4561

Raphael Moreira

E-mail: raphaeltradutor@hotmail.com

Fone: 81 982870461

Philip Gradon Reed

E-mail: philipgradonreed@gmail.com

Fone/Whatsapp: 73 99115 7990

Tower Translations/Bruno Silva Nogueira

E-mail: contato@towertranslations.net ou bsnoguera@gmail.com

Telefone: 41 9 9532 3201

Zeppelini Publishers

E-mail: comercial@zeppelini.com.br

Telefones: (11) 2978-6686

Tradutor espanhol

Luana Rodrigues

E-mail: rodrigues.esp@gmail.com

Fone: 85 987295493

Revisão de idiomas

Carmela Carvalho - Serviços de Revisão, Tradução e Normalização de textos

CNPJ: 22.557.767/0001-59
E-mail: carmela@carmelacarvalho.com

Telefones: (84) 99989-0037 (WhatsApp -TIM)/ 98847-9399 (TIM) 

Luana Rodrigues

E-mail: rodrigues.esp@gmail.com

Fone: 85 987295493

Zeppelini Publishers

E-mail: comercial@zeppelini.com.br

Telefones: (11) 2978-6686

Viviane Zeppelini

E-mail: viviane.revisao@gmail.com

Guias para apresentação do texto

Os textos dos artigos devem seguir os guias da Rede Equator conforme tipo de estudo realizado:

Para todos os tipos de estudos usar o guia Revised Standards for Quality Improvement Reporting Excellence (SQUIRE 2.0 – checklist).

Para ensaio clínico randomizado usar o seguir CONSORT (checklist e fluxograma).

Para revisões sistemáticas e metanálises seguir o guia PRISMA (checklist e fluxograma).

Para estudos observacionais em epidemiologia seguir o guia STROBE (checklist).

Para estudos qualitativos seguir o guia COREQ (checklist).

Categorias de Publicações

Artigos de Pesquisa

Estudo destinado a divulgar resultados de pesquisa original e inédita. A estrutura deve seguir: Título, Resumo, Descritores, Introdução, Métodos, Resultados, Discussão e Conclusão. Os artigos devem conter no máximo 12 páginas no total e até 20 referências.

Artigos de Revisão

Revisão Integrativa de Literatura é um método de pesquisa amplo, conduzido por meio da síntese rigorosa de resultados de estudos originais, quantitativos ou qualitativos objetivando responder uma pergunta claramente formulada sobre um problema específico. Máximo de 15 páginas, até 30 referências.

 
Revisão Sistemática de Literatura é um método de pesquisa que apresenta a síntese de múltiplos estudos publicados de evidência forte e possibilita conclusões gerais a respeito de uma área específica de estudo, contribuindo para o aprofundamento do conhecimento do tema investigado. Não serão aceitas revisões com duas bases de dados. Máximo de 15 páginas, até 30 referências.

Ensaio Clínico

Artigos que apresentem resultados parciais ou integrais de ensaios clínicos acompanhados do número e entidade de registro do ensaio clínico, exigência de acordo com a recomendação do Centro Latino-Americano e do Caribe de Informação em Ciências da Saúde (BIREME)/Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS)/Organização Mundial da Saúde (OMS) sobre o Registro de Ensaios Clínicos. O número do ensaio deve ser registrado no final do resumo. O artigo deve conter no máximo 12 páginas e até 20 referências.

Autor Convidado

Produzido a convite do(s) Editor(es) da Revista. Segue a mesma estruturação de artigo original.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.