Narrativas autobiográficas na crônica de Berilo Wanderley

  • Gustavo Leite Sobral Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
  • Juliana Bulhões Alberto Dantas Universidade de Brasília (UnB).
Palavras-chave: Jornalismo. Crônica. Narrativas autobiográficas. Tribuna do Norte. Berilo Wanderley

Resumo

Apresentamos um estudo de caso sobre as crônicas reunidas na coluna Revista da Europa, mantida pelo jornalista Berilo Wanderley no jornal potiguar Tribuna do Norte na década de 1960. Procedemos com um levantamento de textos, coletando as 29 crônicas publicadas e, em seguida, traçamos reflexões sobre os temas apresentados pelo escritor. Consideramos a crônica não só como registro do momento presente, mas também como documento que pode delinear aspectos culturais e históricos, fatos sociais, econômicos e políticos de um tempo. Além disso, constatamos que a crônica é capaz de apresentar traços autobiográficos do cronista a partir de suas narrativas

Biografia do Autor

Gustavo Leite Sobral, Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN)
Mestre em Estudos da Mídia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPgEM-UFRN)
Juliana Bulhões Alberto Dantas, Universidade de Brasília (UnB).
Doutoranda em Comunicação pela Universidade de Brasília (FAC-UnB). Mestre em Estudos da Mídia pela Universidade Federal do Rio Grande do Norte (PPgEM-UFRN).

Referências

BAUER, M.; GASKELL, G. (Orgs.) (2002). Pesquisa qualitativa com textos, imagem e som: um manual prático. Petrópolis: Vozes.

BOSI, E. (1994). Memória e sociedade: lembranças de velhos. 3. ed. São Paulo: Companhia das Letras.

BRANDÃO, V. (2008). Labirintos da memória: quem sou? São Paulo: Paulus.

CÂNDIDO, A. (1992). A vida ao rés do chão. In: CÂNDIDO, A. A crônica: o gênero, sua fixação e transformações no Brasil. Campinas: Editora da Unicamp; Rio de Janeiro: Fundação Casa Rui Barbosa.

CÂNDIDO, A. (1989). Poesia e ficção na autobiografia. In: CÂNDIDO, A. A educação pelanoite e outros ensaios. São Paulo: Ática.

HALBWACHS, M. (2006). A memória coletiva. São Paulo: Centauro.

MOISÉS, M. (2004). Dicionários de termos literários. 12. ed. São Paulo: Cultrix.

SÁ, J. (1985). A crônica. São Paulo: Ática, 1985.

SACRAMENTO, I.; LERNER, K. (2015). Pandemia e biografia no

jornalismo: uma análise dos relatos pessoais da experiência com a Influenza H1N1 em O Dia. Revista Famecos, v. 22, n. 4.

SOARES, M. V. N. (2014). A crônica brasileira do século XIX: uma breve história. São Paulo: É Realizações.

WANDERLEY, Berilo. B. W.: contos, crônicas, poemas e fragmentos de Berilo Wanderley. Natal: Edufrn, 1994.

WANDERLEY, Berilo. O menino e seu pai caçador: crônicas. Natal: Clima e Fundação José Augusto, 1980.

WANDERLEY, Berilo. Revista da Europa: 29 crônicas (1960-1961). Natal: [s.n.], 2016. Não publicado.

Publicado
2017-09-15
Seção
Artigos