Risco cardiovascular e estresse em funcionários de uma instituição de ensino superior

Eugênio Barbosa de Melo Júnior, Jayne Ramos Araujo Moura, Sâmia Suély Leal Borges, Açucena Leal de Araújo, Jackson Júnior Vieira de Castro, Ana Roberta Vilarouca da Silva

Abstract


Objetivo: analisar a associação entre níveis de estresse elevados e a frequência de fatores de risco cardiovascular em servidores de uma instituição de ensino superior. Métodos: estudo transversal com 201 funcionários de uma universidade. Para coleta de dados, utilizou-se formulário contendo dados socioeconômicos, o Questionário Internacional de Atividade Física (versão curta), o Alcohol Use Disorders Identification Test e a Escala de Estresse no Trabalho. A análise dos dados foi realizada aplicando os testes razão de verossimilhança e One-way analysis of variance. Resultados: identificaram-se frequências preocupantes dos fatores de risco cardiovascular, em que sedentarismo, excesso ponderal e aumento da circunferência abdominal apresentaram os índices mais expressivos. Em relação aos estressores avaliados, parte dos servidores apresentou índices aumentados de estresse, distribuídos entre os níveis médio e alto. Conclusão: o sedentarismo, excesso ponderal e aumento da circunferência abdominal apresentaram os índices elevados expressivos, sem associações estatisticamente significativas com o nível de estresse.

Keywords


Fatores de Risco; Doenças Cardiovasculares; Esgotamento Profissional.

Full Text:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/rev%20rene.v17i6.18828

Refbacks

  • There are currently no refbacks.


SciELO - Scientific Electronic Library OnlineResultado de imagem para Rede Iberoamericana de Editoração Científica em Enfermagem