Simulação com pacientes padronizados: habilidades de comunicação em saúde do estudante de enfermagem

Fernanda dos Santos Nogueira de Góes, Natália Del' Angelo Aredes, Cristina Yuri Nakata Hara, Luciana Mara Monti Fonseca, Suzanne Hetzel Campbell

Resumo


Objetivo: identificar e medir as habilidades de comunicação em saúde do estudante de enfermagem usando simulação com paciente padronizado. Métodos: descritivo, transversal, realizado junto a 16 estudantes do último ano da graduação em enfermagem. A simulação centrou-se na solicitação de autorização do paciente/família para realizar punção venosa. Durante a simulação, todos os alunos foram avaliados por meio da Ferramenta deAvaliação da Comunicação em Saúde. Resultados: dentre os 22 itens da ferramenta, 18 atingiram concordância superior a 50,0%. Dos 16 participantes, 14 (87,5%) foram avaliados como capazes de se comunicar em mais de 50,0% das afirmações. Conclusão: a comunicação do estudante foi satisfatória; há lacunas relacionadas aos aspectos emocionais do paciente e família, manifestando necessidade de reforçar a comunicação no currículo de enfermagem.

Palavras-chave


Educação em Enfermagem; Simulação de Paciente; Comunicação; Estudantes de Enfermagem.

Texto completo:

PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/rev%20rene.v18i3.20067

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 Marca ABEC CompletaResultado de imagem para Rede Iberoamericana de Editoração Científica em Enfermagem