Fatores associados ao uso de álcool e drogas por mulheres gestantes

Priscilla Nunes Porto, Silier Andrade Cardoso Borges, Anne Jacob de Souza Araújo, Jeane Freitas de Oliveira, Mariza Silva Almeida, Mayara Novais Pereira

Resumo


Objetivo: verificar a associação entre as condições sociodemográficas e o envolvimento de gestantes com drogas. Métodos: estudo transversal realizado com 268 gestantes em uma maternidade pública, por meio de entrevista. Para a análise bivariada utilizou-se o Teste Exato de Fisher e odds ratio com intervalo de confiança de 95%. Resultados: foram observadas associações estatisticamente significantes entre o uso de substâncias psicoativas pelas gestantes e a escolaridade (p=0,017), raça (p=0,020) e condição de moradia (p=0,014). Conclusão: evidenciou-se que diferentes fatores contribuem para a ocorrência de vulnerabilidade à saúde entre gestantes, sobretudo resultante da integração de aspectos individuais e sociais.

Palavras-chave


Usuários de Drogas; Gestantes; Vulnerabilidade Social.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/rev%20rene.v19i0.31321

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este trabalho está licenciado sob uma Licença Creative Commons Attribution 3.0 .

 Marca ABEC CompletaResultado de imagem para Rede Iberoamericana de Editoração Científica em Enfermagem