Conhecimento de usuárias de Implanon®: implicações para o cuidado de enfermagem

Lidiane Nogueira Rebouças, Escolastica Rejane Ferreira Moura, Fabiane do Amaral Gubert, Paulo César de Almeida, Monica Oliveira Batista Oriá, Sarah Rayssa Cordeiro Sales Pinheiro

Resumo


Objetivo: avaliar o conhecimento de usuárias de Implanon® sobre características e efeitos colaterais do método. Métodos: pesquisa transversal, com 106 usuárias de Implanon®, com dados coletados por meio de formulário. Para análise bivariada, utilizou-se o teste de qui-quadrado e de razão de verossimilhança. Resultados: a maioria das mulheres (91,5%) apresentou conhecimento adequado sobre o fato de o método não oferecer proteção às doenças sexualmente transmissíveis. Quanto aos efeitos colaterais, 35,8% apresentaram conhecimento moderado. Anos de estudo apresentou associação com conhecimento inadequado sobre período de troca e ausência de conhecimento sobre efeitos colaterais. Tempo de uso não influenciou conhecimento inadequado sobre características e efeitos colaterais. Conclusão: a maioria das usuárias apresentou conhecimento adequado sobre características do método, anos de estudo obteve associação com o conhecimento inadequado sobre o período de troca e ausência de conhecimento acerca dos efeitos colaterais.

Palavras-chave


Conhecimento; Anticoncepção; Anticoncepcionais; Saúde da Mulher.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.20192039700

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este trabalho está licenciado sob Creative Commons – Licença CC BY  https://creativecommons.org/licenses/

Marca ABEC Completa