Qualidade da atenção aos idosos: risco de lesão por pressão como condição marcadora

Viviani Camboin Meireles, Vanessa Denardi Antoniassi Baldissera

Resumo


Objetivo: analisar a qualidade dos cuidados prestados na atenção primária à saúde aos idosos frágeis com risco para lesão por pressão. Métodos: estudo de caso múltiplo. Participaram da pesquisa 16 idosos e seu cuidador familiar e dez profissionais de saúde. Resultados: entre as não conformidades estão a inexistência do rastreamento do grau de fragilidade e avaliação multidimensional dos idosos; a ausência de avaliação de risco de lesão por pressão; a escassez de recursos materiais, humanos; a falta de apoio aos cuidadores familiares; a demora no atendimento das necessidades de dispositivos para mobilização; o deficit de conhecimento por parte dos profissionais e cuidadores. Conclusão: o estudo concluiu que a condição marcadora é uma ferramenta que avalia o percurso do cuidado e, em se tratando do idoso frágil com risco para lesão por pressão, as fragilidades vão desde o conhecimento profissional até práticas sistemáticas que incluam a rede de cuidados. 


Palavras-chave


Qualidade da Assistência à Saúde; Atenção Primária à Saúde; Saúde do Idoso; Lesão por Pressão.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.20192040122

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este trabalho está licenciado sob Creative Commons – Licença CC BY  https://creativecommons.org/licenses/

Marca ABEC Completa