Compreensão sobre as necessidades de saúde de homens adultos: perspectiva masculina

Guilherme Oliveira de Arruda, Aurea Christina de Paula Corrêa, Sonia Silva Marcon

Resumo


Objetivo: compreender as necessidades de saúde de homens adultos, sob a perspectiva masculina. Métodos: pesquisa qualitativa,  realizada com dez homens, com idades de 29 a 59 anos. Dados coletados em entrevistas semiestruturadas e submetidos à análise de conteúdo, modalidade temática, utilizando-se a Taxonomia das Necessidades de Saúde. Resultados: as necessidades de saúde dos homens perpassam pelas condições de vida, abrangendo aspectos financeiros, emocionais e políticos, e por atendimentos em saúde, pautados no respeito e acesso às tecnologias, incluindo as necessidades de vínculo com profissionais de referência e autonomia no modo de cuidar-se. Observa-se que estas necessidades são influenciadas por construções sociais de gênero. Conclusão: as necessidades de saúde masculinas são diversas, heterogêneas e socialmente construídas, e requerem ações intersetoriais na compreensão da amplitude destas para o estabelecimento de um cuidado efetivo.

Palavras-chave


Saúde do Homem; Necessidades e Demandas de Serviços de Saúde; Gênero e Saúde; Enfermagem.

Texto completo:

PDF (English) PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.2018193290

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este trabalho está licenciado sob Creative Commons – Licença CC BY  https://creativecommons.org/licenses/

 Marca ABEC CompletaResultado de imagem para Rede Iberoamericana de Editoração Científica em Enfermagem