Desenvolvimento do raciocínio clínico de enfermeiros de um serviço hospitalar de emergência

Fernando Henrique Antunes Menegon, José Luís Guedes dos Santos, Natália Gonçalves, Carolina Kahl, Mayckel da Silva Barreto, Francine Lima Gelbcke

Resumo


Objetivo: compreender o desenvolvimento do raciocínio clínico de enfermeiros de um serviço hospitalar de emergência. Métodos: pesquisa qualitativa, com referencial metodológico da Teoria Fundamentada nos Dados. Coleta de dados ocorreu por meio de entrevistas, com amostragem teórica de 21 participantes e análise mediante codificação substantiva e teórica. Resultados: identificou-se a categoria central Sabendo o que fazer, e quatro categorias conceituais: 1) Descobrindo as atribuições do enfermeiro no serviço de emergência; 2) Aprimorando o raciocínio clínico por meio da experiência profissional; 3) Prestando assistência com qualidade e segurança para o paciente; e 4) Conquistando reconhecimento profissional da equipe de saúde. Conclusão: o desenvolvimento do raciocínio clínico do enfermeiro é um processo gradativo e experiencial cumulativo de “saber o que fazer” em emergência. Baseia-se no trabalho colaborativo com a equipe de saúde e na aquisição de conhecimentos técnico-científicos para realização de assistência qualificada a pacientes. 


Palavras-chave


Tomada de Decisão Clínica; Pensamento; Organização e Administração; Enfermagem em Emergência; Serviço Hospitalar de Emergência.

Texto completo:

PDF PDF (English)


DOI: http://dx.doi.org/10.15253/2175-6783.20192040249

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Este trabalho está licenciado sob Creative Commons – Licença CC BY  https://creativecommons.org/licenses/

Marca ABEC Completa