APRENDIZAGEM BASEADA EM PROBLEMAS PARA OS CURSOS DE CIÊNCIAS CONTÁBEIS: DESAFIOS E OPORTUNIDADES DE SUA ADOÇÃO

Palavras-chave: aprendizagem baseada em problemas, PBL, educação contábil, ensino superior, metodologias ativas

Resumo

O objetivo deste trabalho é compreender as dificuldades e vantagens encontradas por docentes em Ciências Contábeis que vivenciaram a adoção do problem-based learning. Para atingir esse objetivo, desenvolveu-se uma pesquisa qualitativa, com entrevistas com especialistas. A análise das entrevistas foi realizada por meio da análise de conteúdo. Os achados mostraram que as principais dificuldades de adoção do PBL decorrem de fatores que envolvem desde a formação e experiência prévia dos estudantes até a demanda de trabalho extra por parte do decente, oriunda do tempo que dedica para planejar as aulas e preparar materiais didáticos. Por outro lado, os benefícios relatados englobam o desenvolvimento de habilidades para realização de pesquisa, trabalho em equipe, assunção de responsabilidades quanto ao próprio aprendizado, bem como exposição ao ambiente do mercado. A pesquisa concluiu que a adoção do PBL traz benefícios para os estudantes e promove um alinhamento entre a formação acadêmica e as demandas do mercado.

Biografia do Autor

Sandro Vieira Soares, Universidade do Sul de Santa Catarina - UNISUL e Centro Universitário Municipal de São José - USJ
Doutor em Controladoria e Contabilidade - USP, Professor do Programa de Pós-Graduação em Administração - UNISUL e Professor no Centro Universitário Municipal de São José - USJ.
Christopher Bulaon, Universidade de São Paulo - USP
Mestre em Controladoria e Contabilidade - USP e Bacharel em Consumer Economics pela University of Ilinóis at Urbana-Champaign
Silvia Pereira de Castro Casa Nova, Universidade de São Paulo - USP

Pós-doutora pela University of Minnesota e pela Fundação Getúlio Vargas, Doutora em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo; Professora Titular no Departamento de Contabilidade e Atuária na Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade da Universidade de São Paulo

Ícaro Roberto Azevedo Picolli, Universidade do Sul de Santa Catarina - UNISUL
Mestre em Administração - UNISUL e Professor do Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial - SC, SENAC/SC

Referências

BACICH, L.; MORAN, J. (Org.). Metodologias ativas para uma educação inovadora: uma abordagem teórico-prática. Porto Alegre: Penso, 2018.

BARDIN, L. Análise de conteúdo. São Paulo: Edições 70, 2016.

BENJAMIM JR., V. Teoria da complexidade e contabilidade: estudo da utilização da aprendizagem baseada em problemas como abordagem complexa no ensino da contabilidade. 2011. Dissertação (Mestrado em Controladoria e Contabilidade: Contabilidade) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade, Universidade de São Paulo, São Paulo, 2011.

BOSI, A. P. A precarização do trabalho docente nas instituições de ensino superior do Brasil nesses últimos 25 anos. Educação e Sociedade, Campinas, v. 28, n. 101, p. 1503-1523, dez. 2007.

BRASIL. Resolução nº CNE/CES 10, de 16 de dezembro de 2004. Institui as Diretrizes Curriculares Nacionais para o Curso de Graduação em Ciências Contábeis, bacharelado, e dá outras providências. Diário Oficial da União, 16 dez. 2004. Conselho Nacional e Educação.

CAPACCHI, M. et al. A prática do ensino contábil no Estado do Rio Grande do Sul: uma análise da grade curricular frente às exigências legais e necessidades acadêmicas. In: CONGRESSO ANPCONT, 1º, 2007, Gramado. Anais... Gramado: Anpcont, 2007.

CARVALHO, A. M. R.; NAKAGAWA, M. Uma proposta de mudança da formação acadêmica do profissional de custos. In: CONGRESSO INTERNACIONAL DE CUSTOS, 9, Florianópolis. Anais... Florianópolis: CIC, 2005.

COTTELL JR, P. G. Shreffler stores accounting issues related to consumer receivables, asset impairment, and discontinued operations: A problem-based learning unfolding problem. Issues in Accounting Education, v. 25, n. 4, p. 775-787, 2010.

DEE, C. C.; DURTSCHI, C. Return of the Tallahassee BeanCounters: A case in forensic accounting. Issues in Accounting Education, v. 25, n. 2, p. 279-321, 2010.

ESCRIVÃO FILHO, E.; RIBEIRO, L. R. C. Inovando no ensino de administração: uma experiência com a aprendizagem baseada em problemas (PBL). Cadernos EBAPE. BR, v. 6, n. Ed. Especial, art. 3, p. 1-9, 2008.

FLICK, Uwe. Introdução à pesquisa qualitativa. 3. ed. Porto Alegre: Artmed, 2009.

FREZATTI, F. et al. Análise do desempenho de alunos na perspectiva do ‘CHA’ em disciplina utilizando PBL: o que significa a síntese? Revista de Contabilidade e Organizações, v. 10, n. 26, p. 3-19, 2016.

FREZATTI, F.; SILVA, S. C. Prática versus incerteza: como gerenciar o estudante nessa tensão na implementação de disciplina sob o prisma do método PBL?. Revista Universo Contábil, v. 10, n. 1, p. 28-46, 2014.

GALDINO, J. A.; SOARES, S. V. O Aspecto Generalista ou Especialista da Formação em Ciências Contábeis nas Universidades Públicas da Região Norte do Brasil: Uma Análise Curricular. In: ENCONTRO DE ENSINO E PESQUISA EM ADMINISTRAÇÃO E CONTABILIDADE, 4., 2013, Brasília. Anais... Distrito Federal: Anpad, 2013.

GIL, Antonio Carlos. Como elaborar projetos de pesquisa. 5. ed. São Paulo: Atlas, 2016.

GUIMARÃES, V. N.; SOARES, S. V.; CASAGRANDE, M. D. H. Trabalho docente voluntário em uma Universidade Federal: nova modalidade de trabalho precarizado? Educação em revista, Belo Horizonte, v. 28, n. 3, p. 77-101, Set. 2012.

JOHNSTONE, K. M.; BIGGS, S. F. Problem-based learning: introduction, analysis, and accounting curricula implications. Journal of Accounting Education, v. 16, n. 3, p. 407-427, 1998.

KRÜGER, L. M.; ENSSLIN, S. R. Método tradicional e método construtivista de ensino no processo de aprendizagem: uma investigação com os acadêmicos da disciplina Contabilidade III do curso de Ciências Contábeis da Universidade Federal de Santa Catarina. Revista Organizações em Contexto, v. 9, n. 18, p. 219-270, 2013.

LAFFIN, M.; GOMES, S. M. S. Formação do professor de contabilidade: O tema em debate. Education Policy Analysis Archives, v. 24, p. 77-31, 2016.

LEAL, E. A.; MIRANDA, G. J., CASA NOVA, S. P. C. Revolucionando a sala de aula: Como envolver o estudante aplicando as técnicas de metodologias ativas de aprendizagem. São Paulo: Atlas, 2017.

LEHMANN, C. M. Internal controls: A compendium of short cases. Issues in Accounting Education, v. 25, n. 4, p. 741-754, 2010.

LOBOSCO, I. F. Caso-problema no ensino de contabilidade introdutória: um estudo da percepção dos alunos do curso de graduação quanto à sua aplicabilidade no desenvolvimento de competências e habilidades. 2007.186 f. Dissertação (Mestrado em Controladoria e Contabilidade) – FECAP – Faculdade Escola de Comércio Álvares Penteado, São Paulo, 2007.

MACHADO, N. O Ensino de Contabilidade nos cursos de Ciências Contábeis na Cidade de São Paulo. São Paulo, 1982. Dissertação de Mestrado. Escola de Administração de Empresas de São Paulo, Fundação Getúlio Vargas.

MARION, J. C.; MARION, A. L. C. Metodologias de ensino na área de negócios: para cursos de administração, gestão, contabilidade e MBA. São Paulo: Atlas, 2006.

MARTINS, D. B.; ESPEJO, M. M. D. S. B.; FREZATTI, F. Problem-Based Learning no Ensino de Contabilidade Gerencial: Relato de uma Experiência Brasileira. Revista de Educação e Pesquisa em Contabilidade, v. 9, n. 4, p. 430-452, 2015.

NGANGA, C. S. N. et al. Mestres e Doutores em Contabilidade no Brasil: Uma Análise dos Componentes Pedagógicos de sua Formação Inicial. Revista Electrónica Iberoamericana Sobre Calidad, Eficacia y Cambio en Educación, v. 14, p. 1-17, 2016.

OLIVEIRA, H. M.; ARANTES, F. P.; FREITAG, M. S. B.; ROSSI, R. M.; SILVA, J. O. Aprendizagem e desenvolvimento de competências contábeis. Contabilidade, Gestão e Governança, v. 19, n. 3, p. 376-394, 2016.

PÁDUA JR., F. P. et al. Avaliação da percepção de discentes e docentes sobre novas tecnologias de ensino em cursos de graduação em Administração. Administração: Ensino e Pesquisa, v. 15, n. 2, p. 295-321, 2014.

PELEIAS, I. R. et al. Evolução do ensino da contabilidade no Brasil: uma análise histórica. Revista Contabilidade & Finanças – USP, v. 18, n. n. spe, p. 19-32, 2007.

PICOLLI, I. R. A. A promoção da qualidade de vida dos professores como diferencial estratégico em uma instituição de ensino fundamental e médio. 2017.148 f. Dissertação (Mestrado) – Curso de Mestrado em Administração, Programa de Pós-graduação em Administração, Universidade do Sul de Santa Catarina, Florianópolis, 2017.

RIBEIRO FILHO, J. F. et al. Habilidades de comunicação oral de estudantes de Ciências Contábeis: uma análise baseada em percepções de integrantes de corpo docente, corpo discente e profissionais liberais. BASE – Revista de Administração e Contabilidade da UNISINOS, v. 3, n. 1, p. 24-33, 2006.

RODRIGUES, E. A.; ARAÚJO, A. M. P. O ensino da contabilidade: aplicação do método PBL nas disciplinas de contabilidade em uma Instituição de Ensino Superior particular. Revista de Educação, v. 10, n. 10, 2007.

SILVA, S. S.; OLIVEIRA, M. A.; MOTTA, G. S. Jogos de empresas e método do caso: contribuições ao processo de ensino e aprendizagem em administração. Administração: Ensino e Pesquisa, v. 14, n. 4, p. 677-705, 2013.

SIQUEIRA, J. R. M. et al. Aprendizagem baseada em problemas: o que os médicos podem ensinar aos contadores. Contabilidade Vista & Revista, v. 20, n. 3, p. 101-125, 2009.

SOARES, M. A. Aplicação do método de ensino Problem Based Learning (PBL) no curso de Ciências Contábeis: um estudo empírico. 2008. Dissertação (Mestrado em Controladoria e Contabilidade) – Faculdade de Economia, Administração e Contabilidade de Ribeirão Preto, Universidade de São Paulo, Ribeirão Preto, 2008.

SOARES, M. A.; ARAÚJO, A. M. P. Aplicação do Método de Ensino Problem Based Learning (PBL) no Curso de Ciências Contábeis: Um Estudo Empírico. In: CONGRESSO ANPCONT, 2., 2008, Salvador. Anais... Salvador: Anpcont, 2008.

SOARES, S. V. et al. O Currículo dos cursos de Ciências Contábeis das Universidades Federais da Região Sul do Brasil: formação especialista ou generalista? Enfoque Reflexão Contábil, Maringá, v. 31, n. 2, p. 7-21, 2012.

SOARES, S. V. et al. Evolução do currículo de Contabilidade no Brasil desde 1809. Revista Catarinense da Ciência Contábil, v. 10, n. 30, p. 27-42, 2011.

SOUZA, N. R.; VERDINELLI, M. A. Aprendizagem ativa em Administração: um estudo da Aprendizagem Baseada em Problemas (PBL) na graduação. Revista Pretexto, v. 15, n. NE, p. 29-47, 2014.

STANLEY, T.; MARSDEN, S. Accountancy capstone: Enhancing integration and professional identity. Journal of Accounting Education, v. 31, n. 4, p. 363-382, 2013.

STANLEY, T.; MARSDEN, S. Problem-based learning: Does accounting education need it? Journal of Accounting Education, v. 30, n. 3, p. 267-289, 2012.

TAN, O. S. Students’ experiences in problem‐based learning: three blind mice episode or educational innovation? Innovations in Education and Teaching International, v. 41, n. 2,169-184, 2004.

VASCONCELOS, A. L. F. S. et al. Uma reflexão da aprendizagem cooperativa como estratégia de ensino para a formação dos contadores. Revista de Informação Contábil, v. 2, n. 1, p. 72-83, out. /dez. 2007.

VENDRAMIN, E. O. et al. O Que Pensam os Professores a Respeito do Problem Based Learning como Estratégia de Ensino na Contabilidade? Revista de Graduação USP, v. 3, n. 2,45-53, 2018.

Publicado
2019-04-12
Seção
Artigos