O currículo integrado no ensino médio técnico do IEMA:

uma percepção dos alunos

  • Karyanne Moreira da Silva Nogueira Rosa Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Maranhão - PPGE/UFMA
  • Ilma Vieira do Nascimento Universidade Federal do Maranhão - UFMA
Palavras-chave: Currículo integrado, Ensino médio, Formação humana e profissional

Resumo

Este artigo se pauta em uma pesquisa de mestrado sobre o currículo integrado do ensino médio técnico do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMA), localizado no município de Bacabeira, Analisou-se a contribuição da proposta curricular desse Instituto para a formação humana e profissional dos alunos, tendo-se como foco o currículo integrado em tempo integral. As percepções dos alunos do 3º ano do Ensino Médio Profissionalizante do Instituto constituíram-se como ponto fundamental para a compreensão daquela contribuição, obtidas pela aplicação de questionários preformados e pela técnica do grupo focal. Trata-se de uma pesquisa qualitativa fundamentada em vários estudiosos, como: Bernstein (1996), Frigotto (2004), Santomé (1998), Lopes (2006), entre outros. Fundamentamo-nos também em documentos do Modelo da Escola da Escolha do Instituto de Corresponsabilidade pela Educação (ICE), que são norteadores da Proposta Pedagógica do IEMA. A pesquisa permitiu-nos uma visão mais acurada da percepção dos alunos sobre o currículo integrado em tempo integral no Ensino Médio do IEMA, expressa por eles como um currículo que vai além de um instrumento meramente técnico na medida em que proporciona a profissionalização ligada a uma formação humana integral materializada no Projeto de vida. Permitiu-nos também compreender que a organização contextualizada do tempo e da rotina de estudo estabelecida entre alunos e equipe escolar é fundamental na concretização de uma proposta de integração curricular.

Biografia do Autor

Karyanne Moreira da Silva Nogueira Rosa, Programa de Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Maranhão - PPGE/UFMA

Supervisora Escolar da Secretaria Municipal de Educação de Bacabeira-MA. Professora de Séries Inciais do Município de São Luís - MA. Docente do Centro de Ensino Superior de Bacabeira - CESBA, ministrando a disciplina de Pesquisa e Práticas Pedagógicas I (60 h/a). Mestra em Educação, pelo Programa Pós-Graduação em Educação da Universidade Federal do Maranhão PPGE/UFMA. Integrante do Grupo de Pesquisa Escola, Currículo, Formação e Trabalho Docente que faz parte do PPGE/UFMA. Especialista em Gestão Escolar Integrada e Práticas Pedagógicas, pela Universidade Cândido Mendes (UCAM). Especialista em Concepções Pedagógicas, pela Universidade Municipal de São Caetano do Sul. Licenciada em Pedagogia, pela Universidade Federal do Maranhão (UFMA). Bacharel em Turismo pela Faculdade do Maranhão (FACAM).

Ilma Vieira do Nascimento , Universidade Federal do Maranhão - UFMA

Licenciada em Pedagogia pela Universidade Federal do Maranhão (1963). Mestra em Educação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1986). Doutora em Educação pela Universidade de São Paulo (1996). Parecerista ad hoc da FAPEMA. Professora Associada da Universidade Federal do Maranhão. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Teoria Geral de Planejamento e Desenvolvimento Curricular, atuando principalmente nos seguintes temas: currículo, formação do professor, política educacional e ensino superior.

Referências

APPLE, Michael W. A política do conhecimento oficial: faz sentido a ideia de um currículo nacional? In: MOREIRA, Antônio Flávio; SILVA, Tomaz Tadeu. Currículo, cultura e sociedade. 12. ed. São Paulo: Cortez, 2011. p. 71-106.

BERNSTEIN, Basil. A Estruturação do discurso pedagógico: classe, códigos e controle. Petrópolis: Vozes, 1996.

CIAVATTA, Maria. A formação integrada: a escola e o trabalho como lugares de memória e de identidade. In: FRIGOTTO, Gaudêncio; CIAVATTA, Maria; RAMOS, Marise (org). Ensino Médio Integrado: concepção e contradições. São Paulo: Cortez, 2005.

FRANCO, Maria Laura Puglisi Barbosa. Ensino Médio: desafios e reflexões. Campinas, SP: Papirus, 1994.

FRIGOTTO, G. A interdisciplinaridade como necessidade e como problema nas ciências sociais. In: JANTSCH, A. P.; BIANCHETTI, L. (org). Interdisciplinaridade: para além da filosofia do sujeito. 7 ed. Petrópolis: Vozes, 2004.

GIROUX, Henry, A.; SIMON, Roger. Cultura Popular e pedagogia crítica: a vida cotidiana como base para o conhecimento curricular. In: MOREIRA, Antônio Flávio; SILVA, Tomaz Tadeu. Currículo, cultura e sociedade. 12 ed. São Paulo: Cortez,
2011. p. 107-140.

KOSIK, K. Dialética do concreto. São Paulo: Paz e Terra, 1978.

LOPES, Alice R. C. Integração e disciplinas nas políticas de currículo. In: LOPES, Alice R. C; MACEDO, Elizabeth F. de; ALVES, Maria Palmira C. (org). Cultura e Política de Currículo. Araraquara, SP: Junqueira & Marin, 2006, p.139-160.

LOPES, Alice Casimiro; MACEDO, Elizabeth. Teorias de currículo. São Paulo: Cortez, 2011.

LÜCK, H. Pedagogia interdisciplinar: fundamentos teóricos-metodológicos. Rio de Janeiro: Vozes, 1994. p.60.

MARANHÃO. Regimento Geral. Estabelecido para complementar e normatizar as disposições emanadas da Lei nº 10.385, de 21 de dezembro de 2015, que reorganizou o IEMA. Diário Oficial do Estado do Maranhão: São Luís, MA, ano 109, n. 65, p. 2 - 19, 8 abr. 2016. Disponível em: http://www.secti.ma.gov.br/files/2015/04/Regimento-Geral-do-IEMA.pdf. Acesso em: 21 ago. 2019.

MARANHÃO. Secretaria de Estado de Ciência, Tecnologia e Inovação - SECTI. Proposta Pedagógica das Unidades Plenas: Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (IEMAs). São Luís, MA, 2016. Disponível em: http://www.iema.ma.gov.br/wp-content/uploads/2017/01/PROPOSTA-PEDAG%C3%93GICA-DO-IEMA-2017.pdf. Acesso em: 15 dez. 2020.

MOLL, Jaqueline. (org.) Educação Integral: texto referência para o debate nacional. Brasília, DF, 2009. Série Mais Educação. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/dmdocuments/cadfinal_educ_integral.pdf. Acesso em: 22 ago. 2019.

PERNAMBUCO. Instituto de Corresponsabilidade pela Educação – ICE. Modelo Pedagógico da Escola da Escolha e seus princípios educativos.1. ed. Recife, 2015. 56 p. Disponível em: http: http://www.secti.ma.gov.br/files/2016/10/MP-PRINCIPIOS-EDUCATIVOS.pdf. Acesso em: 15 dez. 2020.

ROSA, Karyanne Moreira da Silva Nogueira. Currículo integrado no ensino médio: a percepção dos alunos dos alunos do Instituto de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão – IEMA. Orientador: Prof.ª Dr.ª Ilma Vieira do Nascimento. 2019. 145 f. Dissertação (Mestrado em Educação) – Universidade Federal do Maranhão, São Luís, 2019.

SANTOMÉ, Jurjo T. Globalização e interdisciplinaridade: o currículo integrado. Porto Alegre: Artes Médicas, 1998.
Publicado
2020-12-22
Como Citar
ROSA, K. M. DA S. N.; NASCIMENTO , I. V. DO. O currículo integrado no ensino médio técnico do IEMA: . Revista Labor, v. 2, n. 24, p. 488-510, 22 dez. 2020.
Seção
Artigos